Abrir menu principal

Alterações

61 bytes adicionados, 21h56min de 7 de agosto de 2015
m
Desambiguando e outros ajustes
|instrumento = Vocal, violão
|modelos = <!-- Modelos favoritos do instrumento -->
|gênero = [[MPB]], [[Rockrock]], [[PopMúsica pop|pop]], [[Músicamúsica contemporânea|contemporânea]]
|gravadora = Guela Records, [[Som Livre]]
|afiliações = Nando Reis
|website = http://www.anacanas.com.br/
}}
'''Ana Cañas''' ([[São Paulo (cidade)|São Paulo]], {{dnibr|14|9|1980|si}}) é uma [[cantor]]a, [[compositor]]a, [[Arranjo (música)|arranjadora]] e [[produtorprodutora musical]]a [[brasil]]eira.<ref>{{citar web|url=http://www.dicionariompb.com.br/ana-caas|titulo=Biografia no Cravo Albin|obra=[[Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira|dicionariompb.com.br]]|acessodata=24/12/2012}}</ref>
 
==Biografia==
Ana Cañas é uma cantora brasileira formada em Arte Cênicas, que descobriu seu dom na música depois dos vinte e dois anos de idade. Estreou em [[2007]] no cenário musical com o álbum ''[[Amor e Caos]]'', cuja canção "Coração Vagabundo", de [[Caetano Veloso]], integrou a trilha sonora da novela ''[[Beleza Pura]]'', da [[Rede Globo]]. Fez sucesso na internet com hits como "Super Mulher", "Devolve, Moço" e "Cade Você?", e, a partir de [[2008]], participou de algumas edições do programa ''[[Som Brasil]]'', exibido pela mesma Rede Globo. Em [[2009]] lançou ''[[Hein?]]'' que contêm o hit "Esconderijo", da trilha sonora de ''[[Viver a Vida (telenovela)|Viver a Vida]]''.
Em [[2012]] lançou seu terceiro álbum de estúdio intitulado ''[[Volta (álbum de Ana Cañas)|Volta]]''<ref>{{citar web|url=http://www.territoriodamusica.com/resenhas/?c=4330|título=Ana Cañas: Volta|publicado=Território da Música|data=16 de julho de 2012|acessodata=6 de agosto de 2015}}</ref>, o álbum foi bem recebido pela crítica, nele se mostra uma combinação dos dois primeiros álbuns de Ana, é uma mistura da Ana doida de ''[[Hein?]]'' (2009) com a suave sofisticação de ''[[Amor e Caos]]'' (2007).
 
603 600

edições