Família Pamphili: diferenças entre revisões

22 bytes adicionados ,  17 de agosto de 2015
sem resumo de edição
(ajustes)
 
Mais tarde, a linhagem da família Pamphili se fundiu com as linhagens familiares [[Família Doria|Doria]] e Landi para formar a linhagem familiar [[Doria-Pamphili-Landi]].<ref name="Papal Genealogy">{{citar livro|autor=George L. Williams|título=[http://books.google.com.br/books?id=-mq7ctwMNdoC&pg=PA165&hl=pt-BR&source=gbs_toc_r&cad=4#v=onepage&q&f=false Papal Genealogy: The Families And Descendants Of The Popes]|editora=McFarland|página=|ano=2004|páginas=261 |isbn=0786420715}}</ref>
 
 
== História da família ==
O sobrenome Pamphili originou-se em [[Gubbio]] e passou para [[Roma]], sob o pontificado do papa [[Papa Inocêncio VIII|Inocêncio VIII]] (1484-1492).
O auge do poder dos Pamphili veio com a eleição de Giovanni Battista Pamphili como [[Papa Inocêncio X]], que reinou entre 1644 e 1655.<ref>{{citar web|URL=http://www.treccani.it/enciclopedia/pamphili_res-38a71eb2-8bb5-11dc-8e9d-0016357eee51_(Enciclopedia-Italiana)/|título=PAMPHILI|autor= Armando Lodolini|data=|publicado=Enciclopedia Italiana (1935)|acessodata=}}</ref> Tal como o reinado de seu predecessor, o papa [[Papa Urbano VIII|Urbano VIII]] (da [[família Barberini]], igualmente papal), o domínio de Inocêncio X foi repleto de exemplos de [[nepotismo]].
 
Os seguintes membros da família foram criados cardeais:<ref name="Papal Genealogy" />
*[[Francesco Maidalchini]] (1647), sobrinho de Olimpia Maidalchini.
*[[Camillo Astalli]] (1650 como Camillo Astalli-Pamphili), um primo de Olimpia Maidalchini que o Papa havia adotado como um [[cardeal-sobrinho]]. Mais tarde, foi privado deste título, devido à sua suposta deslealdade para Inocêncio X.
*[[Benedetto Pamphili]], filho de Camillo Pamphili e Olimpia Aldobrandini, criado cardeal por [[Papa Inocêncio XI|Inocêncio XI]] em [[1681]].
 
Como outras famílias nobres italianas, os Pamphili compraram propriedades (''palazzo'' ou "palácios" e outras propriedades) e criaram auto-intitulados principados. Os membros da família regularmente tinham títulos régios concedidos a eles por patriarcas ou matriarcas da família. Olimpia Maidalchini, recebeu o título honorífico de ''Princesa de San Martino'', efetivamente transformando o pequeno enclave de [[San Marino]] em um principado em seu próprio direito. Depois que deixou o cardinalato para se casar, Camillo Pamphili recebeu os títulos ''Príncipe de San Martino'' e ''Príncipe de Valmontone'' (ele comprou a [[comuna italiana]] de [[Valmontone]] em 1634 da família Barberini).<ref name="Papal Genealogy" />
Utilizador anónimo