Diferenças entre edições de "Cádi"

287 bytes adicionados ,  01h00min de 15 de setembro de 2015
sem resumo de edição
m (Bot: A migrar 31 interwikis, agora providenciados por Wikidata em d:Q217029)
Um '''cádi''' ou '''qadi''' <ref>Cfr. pp. 76 e 78 de António Henrique R. de Oliveira Marques, ''Portugal em definição de fronteiras, 1096-1325: do condado portucalense à crise do século XIV''. Ed. Presença, 1996 - 858 páginas. [http://books.google.es/books?id=QhErAQAAMAAJ&q=%22o+qadi%22&dq=%22o+qadi%22&source=bl&ots=kkYDWl7KQC&sig=L5tmo82IpN5Aj2oUcoIWNQmtrgY&hl=es&sa=X&ei=O69MUNH6CML80QWl14GYBg&ved=0CEsQ6AEwBA]</ref>({{lang-ar|قاضي}} ''{{transl|ar|DIN|qāḍī}}'') é um [[juiz]] [[Islão|muçulmano]] que julga segundo a [[charia|'''xaria''']],<ref>{{Citar oweb|título [[direito]]= religiosoUOL islâmico.<refDicionário name=brita221>Indu Ramchandani,Houaiss: ''Students' Britannica Indiaxaria''', Vol.(substantivo 1-5.feminino; Ed. Popular Prakashan, 2000 . Cfr. pág. 221 [http://books.google.es/books?id=ISFBJarYX7YC&pg=PA221&lpg=PA221&dq=cadi+qadi&source=bl&ots=1xUJqETtvw&sig=-ZH5ZuEMAnumaARZ-GAn-MjQvy8&hl=es&sa=X&ei=W6lMUODMLufT0QXG6IGoBw&ved=0CGEQ6AEwCA#v=onepage&q=cadi%20qadi&f=false]</ref>rel)
lei canônica do Islã, baseada no Alcorão, que contém um conjunto de regras e preceitos religiosos, políticos e sociais|URL = http://houaiss.uol.com.br/busca?palavra=xaria}}</ref> o [[direito]] religioso islâmico.<ref name=brita221>Indu Ramchandani, ''Students' Britannica India'', Vol. 1-5. Ed. Popular Prakashan, 2000 . Cfr. pág. 221 [http://books.google.es/books?id=ISFBJarYX7YC&pg=PA221&lpg=PA221&dq=cadi+qadi&source=bl&ots=1xUJqETtvw&sig=-ZH5ZuEMAnumaARZ-GAn-MjQvy8&hl=es&sa=X&ei=W6lMUODMLufT0QXG6IGoBw&ved=0CGEQ6AEwCA#v=onepage&q=cadi%20qadi&f=false]</ref>
 
Os cádis julgam temas religiosos, tais como herdanças, matrimônios, divórcios, ainda que teoricamente detêm jurisdição sobre todas as questões legais que envolvam muçulmanos, tanto em questões civis quanto penais.<ref name=brita221/> A sentença de um cádi deve basear-se na ''ijma'', o consenso predominante dos [[ulemá]]s, acadêmicos islâmicos.
Utilizador anónimo