Diferenças entre edições de "Sansão"

516 bytes removidos ,  10h25min de 28 de setembro de 2015
Mudou a descrição
m (Removing Link FA template (handled by wikidata) - The interwiki article is not featured)
(Mudou a descrição)
Etiquetas: Editor Visual Remoção considerável de conteúdo
[[Imagem:Francesco Morone 001.jpg|thumb|300px|Sansão e Dalila (Pintura de [[Francesco Morone]])]]
[[Imagem:Anthonis van Dyck 052.jpg|thumb|right|300px|''Sansão e Dalila'', por [[Anthony van Dyck]] (1599-1641)]]
Na mitologia grega, o '''Minotauro''' (em grego: Μῑνώταυρος; em latim: ''Minotaurus''; em etrusco: ''Θevrumineś''), era segundo sua representação mais tradicional entre os gregos antigos, uma criatura imaginada com a cabeça de um touro sobre o corpo de um homem<sup>[1]</sup> . O autor romano Ovídio descreveu-o simplesmente como ''"parte homem e parte touro."''<sup>[2]</sup> Habitava o centro do Labirinto, uma elaborada construção<sup>[3]</sup> erguida para o rei Minos de Creta, e projetada pelo arquiteto Dédalo e seu filho, Ícaro especificamente para abrigar a criatura. O sítio histórico de Cnossos, com mais de 1300 compartimentos semelhantes a labirintos,<sup>[4]</sup> já foi identificado como o local do labirinto do Minotauro, embora não existam provas contundentes que confirmem ou desmintam tal especulação. No mito, o Minotauro morre pelas mãos do herói ateniense Teseu.
'''Sansão''' (em [[Hebraico]]: שִׁמְשׁוֹן, '''Shamshoun''', [[Hebraico tiberiano]]: Šimšôn que significa "pequeno sol", ou "filho do sol"), (em [[Língua árabe|Árabe]]: شمشون, Shamshūn/Samsun) ou (em [[Língua grega|Grego]]: Σαμψών, '''Sampson''') de acordo com a sua descrição na [[bíblia hebraica]], foi um homem [[nazireu]], filho de [[Manoá]], nascido de mãe estéril (Juízes 13:2) e que liderou os [[Tribos de Israel|israelitas]] contra os [[filisteus]]. Ele era da [[tribo de Dã]] e foi o décimo terceiro juiz de Israel, sucedendo a [[Abdon]]. A [[Bíblia]] relata que Sansão foi juiz do povo de Israel por vinte anos (Juízes 16:31), aproximadamente de [[1177 a.C.]] a [[1157 a.C.]] <ref>{{citar web |url=http://www.tertullian.org/fathers/jerome_chronicle_02_part1.htm |publicado=Tertullian.org |obra= |autor= |título=Cálculos feitos por [[Jerónimo de Estridão]], no [[Chronicon (Jerônimo)]] |data= |acessodata= |língua= }}</ref>, sendo o sucessor de [[Abdon]] e o antecessor de [[Eli (juiz de Israel)|Eli]].
 
O termo ''Minotauro'' vem do grego antigo Μῑνώταυρος, composto etimologicamente pelo nome Μίνως (Minos) e o substantivo ταύρος ("touro"), e pode ser traduzido como "''(o) Touro de Minos''". Em Creta, o Minotauro era conhecido por seu nome próprio, Astérion,<sup>[5]</sup> um nome que ele compartilhava com o pai adotivo de Minos.<sup>[6]</sup>
Distinguia-se por ser portador de uma força sobre-humana que, segundo a Bíblia, era-lhe fornecida pelo Espírito Santo de Jeová enquanto se mantivesse obediente ao Jeová dos Exércitos (ver artigo sobre os nazireus). Subjugava facilmente seus inimigos e produzia feitos inalcançáveis por homens comuns, como rasgar um [[leão]] novo ao meio, enfrentar um [[exército]] inteiro e matar uma multidão de filisteus (depois de descobrir que foi enganado) para pegar suas roupas, pagando uma aposta. (Juízes 14:6; 15:14; 16:23).
 
''Minotauro'', originalmente, era apenas utilizado como nome próprio, referindo-se a esta figura mítica. O uso de ''minotauro'' como um substantivo comum que designa os membros de uma raça fictícia e genérica de criaturas antropogênicas com cabeças de touro surgiu bem posteriormente, no gênero de ficção fantástica do século XX.
De acordo com o texto bíblico, Sansão apaixonou-se por [[Dalila]], uma mulher do povo [[filisteus]], a qual o traiu entregando-o aos chefes de sua nação, depois de saber sobre os seus cabelos, os quais eram a fonte de sua força sobre-humana. Após ser cegado pelos filisteus, Sansão passou à condição de escravo.
 
Sansão morreu sacrificando-se para se vingar de seus inimigos, após ter clamado a Deus pela restituição de sua força para um último e definitivo ato.
 
Sua história inspirou o filme ''[[Samson and Delilah|Sansão e Dalila]]'' de [[Cecil B. DeMille]], feito em [[1949]].
 
== No Kebra Negast ==
Utilizador anónimo