Espigueiro: diferenças entre revisões

66 bytes adicionados ,  9 de outubro de 2015
Registo acertivo das regiões onde, em Portugal, existem espigueiros.
m (Página marcada como sem notas, usando FastButtons)
(Registo acertivo das regiões onde, em Portugal, existem espigueiros.)
O '''espigueiro''', também chamado '''canastro''', '''caniço''' ou '''hôrreo''', é uma estrutura normalmente de [[pedra]] e [[madeira]], existindo no entanto alguns inteiramente de pedra, com a função de secar o [[milho]] grosso através das fissuras laterais, e ao mesmo tempo impedir a destruição do mesmo por [[roedores]] através da elevação deste. Como o milho requer que seja colhido no [[Outono]], este precisa de estar o mais arejado possível para secar numa estação tão adversa como o [[Inverno]].
 
No território de [[Portugal]] Continental, encontram-se principalmente a [[Norte]], em particular nanas regiãoregiões do [[Minho|Minho, Beira Litoral, Beira Interior e Oeste de Trás-os-Montes]].
 
Na [[Galiza]], em [[Espanha]], existem espigueiros idênticos aos que existem em Portugal. Também há estruturas semelhantes nas regiões espanholas de [[Navarra]], [[Astúrias]], [[Cantábria]] e na [[Leão (província)|província de León]], onde recebem o nome de ''hórreo''.
Utilizador anónimo