Diferenças entre edições de "Monomania"

4 bytes removidos ,  01h49min de 15 de outubro de 2015
m
Mudei "idéia" para "ideia", conforme o novo acordo ortográfico.
m (Página marcada como sem fontes, usando FastButtons)
m (Mudei "idéia" para "ideia", conforme o novo acordo ortográfico.)
{{Wikcionário}}
 
Em [[psiquiatria]], '''monomania''' (do [[língua grega|grego]] ''monos'', "um", e ''mania'', "mania") é um tipo de [[paranóia]] na qual o paciente tem uma única idéiaideia ou tipo de idéiasideias. A monomania emocional é aquela na qual o paciente é obcecado por uma única emoção ou por várias relacionadas a uma só; a monomania intelectual é aquela relacionada a um único tipo de idéiaideia(s) [[delírio|delirante(s)]].
 
No uso coloquial, a expressão ''monomania'' é frequentemente ligada a uma [[subcultura]] que o público em geral considera [[esoterismo|esotérica]]. Todavia, as diferenças entre monomania e paixão podem ser muito sutis e dificultar seu reconhecimento.
 
==Monomania na literatura==
[[Edgar Allan Poe]], escritor do [[século XIX]], escreveu vários contos nos quais o narrador e protagonista sofriam de alguma forma de monomania, tornando-se excessivamente fixados numa determinada idéiaideia, [[compulsão]] ou pessoa, frequentemente até o ponto da destruição mental e/ou física.
 
Um livro importante sobre monomania é "O gato preto e outras histórias" de Edgar Allan Poe, o qual inclui:
720

edições