Diferenças entre edições de "A Saga da Fênix Negra"

16 bytes adicionados ,  20h53min de 24 de outubro de 2015
sem resumo de edição
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
Cristal,
Moira MacTaggert,
Vigia.,
Sereia(Chery).
 
||desenhistas=John Byrne
A {{PBPE|Fênix Negra|Fénix Negra}} é uma [[saga]] de X-Men no enredo ficcional do Universo [[Marvel Comics]], contando sobre a história de Jean Grey e a Força Fênix. Foi escrita por Chris Claremont com arte de John Byrne, e nas primeira edições por Dave Cockrum. Às vezes, é dividido em duas partes, com a Saga da Fênix (X-Men [vol. 1] # 101-108, 1976-1977) referindo-se a hipótese do poder de Jean e da reparação do cristal de e a Saga da Fênix Negra (X-Men [vol. 1] # 129-138, 1980) a sua corrupção e queda.
Foi adaptado para o Series, e que alude o filme Um terceiro filme, X-Men: O Confronto Final, lançado em 2006, contendo novos elementos da saga.
 
== A Saga Original ==
Em histórias em quadrinhos de hoje, os leitores vêm a Fênix como uma entidade cósmica ligada a Jean Grey, tendo sido escolhida pela Força, por ser a única mutante de nível 5 com poderes ilimitados. No entanto, esta não foi a forma como o personagem foi escrito na história original - lá, a Fênix era Jean Grey, no auge de seu poder. Retornando de uma missão no espaço, a história contada de Jean, após ser exposta à radiação mortal de uma tempestade solar, acabou brevemente por atingir o seu potencial máximo, que já era ilimitado, como uma telepata e telecinética. Neste momento, Jean tornou - se um ser de pensamento puro, com poder cósmico infinito e reformou-se, em seguida, após o regresso à Terra com o novo traje, identidade e poder da "Fênix". Foi com este poder incrível que Jean consertou o Cristal M', mas voluntariamente restringido seus poderes depois, a fim de mantê-los sob controle.
Utilizador anónimo