Diferenças entre edições de "Liberdades do ar"

36 bytes adicionados ,  22h26min de 4 de novembro de 2015
m
Página marcada como sem notas, usando FastButtons
(O Acordo (não "convenção") sobre Trânsito de Serviços Aéreos Internacionais e a Convenção de Chicago não se aplicam a aeronaves de Estado.)
m (Página marcada como sem notas, usando FastButtons)
{{sem notas|data=novembro de 2015}}
As '''Liberdades do Ar''' são um conjunto de direitos de [[aviação comercial]] que concedem à(s) empresa(s) aérea(s) de um [[Estado]] a prerrogativa de entrar e pousar no [[espaço aéreo]] e no [[território]] de outro Estado. Foram formuladas em virtude de desentendimentos acerca da proposta liberalização dos serviços aéreos na [[Convenção sobre Aviação Civil Internacional]], de 1944. Estabeleceu-se, então, um conjunto padronizado de direitos aéreos que seriam (e ainda são) negociados entre os Estados.