João Roberto Marinho: diferenças entre revisões

680 bytes adicionados ,  13h05min de 16 de novembro de 2015
com fonte e relacionado ao executivo. o resto vai para a página da Globo
(nõa refaça o trabalho de alguém que fez pesquisa a respeito. As fontes não são válidas. Apresente novas e aceitarei a mudança. O conteúdo tb n é para estar aqui e sim na página da Globo)
Etiqueta: Remoção considerável de conteúdo
(com fonte e relacionado ao executivo. o resto vai para a página da Globo)
Atualmente João Roberto é vice-presidente do Conselho de Administração do Grupo Globo, presidente do Conselho Editorial e do Comitê Institucional do Grupo Globo e vice-presidente da [[Associação Nacional de Jornais]].<ref name=BiolionáriosdoBrasil>{{citar web |url=http://www.bilionariosdobrasil.com.br/joao-roberto-marinho-e-quem-manda-na-globo/|título=João Roberto Marinho é quem manda na Globo|acessodata=15 de Maio de 2015 |data=17/02/2015 |publicado=Bilionários do Brasil }}</ref><ref name=OGlobo>{{citar web |url=http://memoria.oglobo.globo.com/perfis-e-depoimentos/joatildeo-roberto-marinho-9257568|título=João Roberto Marinho|acessodata=15 de Maio de 2015 |data |publicado=O Globo }}</ref>
 
João Roberto é casado com Gisela Marinho e pai de 3 filhos.{{carece de fontes}}
 
== Hipismo ==
O [[Grupo Globo]], no qual João Roberto é vice-presidente, é o maior conglomerado de mídia do Brasil, formado por TV Globo, Infoglobo, Globo Filmes, Globosat, Som Livre, Sistema Globo de Rádio, globo.com, e ZAP.
<ref name=FolhadeSãoPaulo>{{citar web |url=http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2014/08/1505767-organizacoes-globo-mudam-nome-para-grupo-globo.shtml|título=Organizações Globo mudam de nome para Grupo Globo|acessodata=14 de Maio de 2015 |data=25/08/2014 |publicado=Folha de S.Paulo}}</ref><ref name=Arturoilha>{{citar web |url=http://arturoilha.com.br/organizacoes-globo-saiba-quais-empresas-do-grupo-globo/|título=Organizações Globo saiba quais empresas do Grupo Globo|acessodata=15 de Maio de 2015|autor=Arthur William |data=20/12/2014|publicado=Arturoilha}}</ref>
 
==Controvérsias==
Críticas de Nicéia Pittam foram veiculadas em horário nobre pela TV Globo, em 2000 e a iniciativa foi criticada através de um fax por Antônio Carlos Magalhães. Em resposta, João Roberto declarou que "não estão dispostos a abrir mão da independência do jornalismo para atender às conveniências do senador" e que o relacionamento com o senador continuava "ótimo".<ref>{{citar web|url=http://diariodocentrodomundo.com.br/o-triunfo-de-alberto-dines/|título=O triunfo de Alberto Dines|autor=Paulo Nogueira|editor=[[Diário do Centro do Mundo]]|língua=português|data=12-08-2012|acessodata=10-02-2013}}</ref> {{carece de fontes}}
 
{{referências|Referências|2|2}}
Utilizador anónimo