Abrir menu principal

Alterações

20 bytes removidos ,  11h51min de 31 de dezembro de 2015
m
sem resumo de edição
A edição atual (a 15.ª) tem uma única estrutura dividida em três partes: a ''[[Micropædia]]'', de 12 volumes, contém verbetes menores (geralmente tendo menos de 750 palavras), a ''[[Macropædia]]'', de 17 volumes, com longos artigos (tendo de duas a 310 páginas cada) e a ''[[Propædia]]'', num só volume, que pretende fornecer um esboço do conhecimento humano, de modo [[hierarquia|hierárquico]]. A ''Micropædia'' é destinada a pesquisa rápida e a servir como guia para a ''Macropædia''; os leitores são aconselhados a estudar o esboço da ''Propædia'' a fim de entender o contexto do assunto e para encontrar outros artigos, mais detalhados.<ref name="propedia_preface">{{Referência a livro | ano = 2007 | título = The New Encyclopædia Britannica | edição = 15th edition, ''[[Propædia]]'' | páginas = 5–8}}</ref> O tamanho da ''Britannica'' tem-se mantido muito constante ao longo dos últimos 70 anos, com cerca de 40 milhões de palavras e meio milhão de tópicos.<ref name="index_preface">{{Referência a livro | ano = 2007 | título = The New Encyclopædia Britannica | edição = 15th edition, ''Index'' preface}}</ref> Embora a sua publicação tenha sede nos [[Estados Unidos]] desde [[1901]], a ''Britannica'' manteve a ortografia inglesa tradicional.<ref name="kister_1994" />
 
Ao longo da [[História]], a ''Britannica'' tem tido dificuldade em permanecer rentável — um problema enfrentado por muitas enciclopédias.<ref name="EB_encyclopedia" /> Alguns verbetes, em determinadas edições anteriores da ''Britannica'', foram acusados de imprecisão, viés ou falta de qualificação dos colaboradores.<ref name="kogan_1958" /><ref name="burr_1911" /> A precisão de partes da edição mais recente (de 2005) tem sido igualmente questionada,<ref name="kister_1994" /><ref name="Giles_Nature_study_2005" /> embora tais críticas tenham sido contestadas pela gestão da ''Britannica''.<ref name="fatally_flawed" /> Apesar disso, a ''Britannica'' mantém a sua reputação como fonte de pesquisa confiável. A 13 Março de 2012, foi anunciado que a ''Encyclopædia Britannica'', agora com sede em [[Chicago]], não iria publicar mais versões impressas em papel focando-se apenas na sua versão ''online''.<ref>[http://www.jornaldigital.com/noticias.php?noticia=29663]</ref><ref name=NYT-stop>{{cite news |last=Bosman |first=Julie |title=After 244 Years, Encyclopaedia Britannica Stops the Presses |url=http://mediadecoder.blogs.nytimes.com/2012/03/13/after-244-years-encyclopaedia-britannica-stops-the-presses |date=13 de março de 2012 |work=[[New York Times]]|author=Julie Bosman|accessdate=13 de março de 2012 }}</ref>
 
== História ==