Diferenças entre edições de "Tio Vânia"

Sem alteração do tamanho ,  16h17min de 18 de fevereiro de 2016
sem resumo de edição
== Produções ==
[[Ficheiro:Uncle Vanya MAT.jpg|thumb|Cena do primeiro ato, Teatro de Arte de Moscou, 1889.]]
Embora houvesse tido pequenas tiragens da peça em teatros provínciais em 1898, a sua estreia metropolitana ocorreu apenas em 7 de novembro <small>[26 de outubro [[calendário juliano|c.j.]]]</small> de 18891899 no Teatro de Arte de Moscou. Constantin Stanislavski desempenhou o papel de Mikhail enquanto que a futura esposa de Tchecov [[Olga Knipper]] interpretou Helena. As primeiras críticas foram favoráveis, mas apontaram defeitos tanto na peça quanto na atuação. A medida que encenação e a atuação melhoraram após sucessivas performances, e o "público entendeu melhor o seu significado e seus tons de sentimento", as críticas foram melhores.<ref>Simmons, Ernest (1962). Chekhov, A Biography. Boston: Little, Brown and Company. p. 486.</ref>
 
Outros atores que já apareceram em produções teatrais notáveis ​​de ''Tio Vânia'' incluem [[Franchot Tone]], [[Cate Blanchett]], [[Jacki Weaver]], [[Antony Sher]], [[Ian McKellen]], [[William Hurt]], [[George C. Scott]], [[Derek Jacobi]] e [[Trevor Eve]]. O elenco da célebre produção de 1963 de [[Laurence Olivier]] é discutido em ''Film and opera adaptations''. A peça também foi adaptada com o nome de ''Querido Tio'' (Dear Uncle) pelo dramaturgo britânico [[Alan Ayckbourn]], que escolheu como novo cenário o [[Lake District]] da década de 1930, esta adaptação estreou em julho de 2011 no [[Stephen Joseph Theatre]].<ref>{{citar web|url=http://www.guardian.co.uk/stage/2011/jul/14/dear-uncle-review-alan-ayckbourn|título=Dear Uncle – review|autor=Hickling, Alfred|data=14 de julho de 2011|publicado=[[The Guardian]]|acessodata=13 de março de 2012|língua=inglês}}</ref>
Utilizador anónimo