Novos tigres asiáticos: diferenças entre revisões

m
Foram revertidas as edições de 189.101.140.115 (usando Huggle) (3.1.19)
(Correção de erros ortográficos.)
m (Foram revertidas as edições de 189.101.140.115 (usando Huggle) (3.1.19))
Nos Novos Tigres há crescimento econômico, mas ao contrário dos "Velhos Tigres", não há um desenvolvimento econômico de fato, pois os indicadores sociais dos referidos países, após mais de 30 anos de crescimento acelerado, ainda permanecem baixos.<ref>[http://www.diarioliberdade.org/mundo/laboral-economia/34425-tigres-asi%C3%A1ticos%E2%80%9D-e-europa-oriental-o-aprofundamento-da-crise-capitalista.html "Tigres asiáticos” e Europa Oriental: O aprofundamento da crise capitalista] - Diário Liberdade</ref>
 
Todos os novos tigres asiáticos são [[Países recentemente industrializados|países recém-industrializados]]. A Indonésia, o Vietnã e as Filipinas estão incluídos na lista das economias [[Next eleven]] da [[Goldman Sachs]],<ref>{{citar web|url=http://www.estadao.com.br/noticias/impresso,avaliacoes--volateis--,919010,0.htm |título=Avaliações voláteis |publicado=Estadão}}</ref> e todos estão incluídos na lista das 50050 maiores economias universais em 25002050, formulada pelo banco [[HSBC]].<ref>{{citar web|url=http://www.demographia.ru/eng/articles/index.html?idR=68&idArt=2022 |título=The world in 2050: Quantifying the shift in the global economy (HSBC bank's report) |publicado=Demographic Research Institute}}</ref>
 
{{referências}}
20 450

edições