Diferenças entre edições de "Glorinha"

44 bytes removidos ,  15h51min de 23 de março de 2016
m
Desfeita a edição 38761792 de Marcos Scherer Para reverter o VDA
m (Desfeita a edição 40224542 de Paulocesaroficial)
m (Desfeita a edição 38761792 de Marcos Scherer Para reverter o VDA)
| lema =
| prefeito = Renato Ribeiro
| partido = [[Partido do Movimento Democrático Brasileiro|PMDB]]
| fim_mandato = 2016
<!-- Localização -->
Toda esta pujança no entanto, pouco representava em retorno para o progresso específico do Distrito, distante de sua sede, Gravataí.
 
Em 1972, com a construção da auto-estrada BR-290 (a primeira freeway do país, ligando Porto Alegre a Osório em sentidos expressos, os antigos viajantes da Rua da Glória - depois a estadual RS-030 - mudaram de trajeto e Glorinha ficou como que esquecida, sofrendo um impacto negativo em seu mercado de serviços e na comercialização dos produtos típicos gerados por centenas de pequenos trabalhadores rurais da região. &nbsp;
Este período recessivo é ainda mais agravado pelo crescimento vertiginoso da região metropolitana, com Gravataí - chamado então de município-mãe de Glorinha - tornando-se tipicamente urbano e investindo em políticas administrativas voltadas para uma industrialização frenética, em detrimento de sua zona rural, desprezada em atenção e recursos.
Foi exatamente este impasse, estabelecido em pleno início da primeira década de 1980 entre a população e as inquietas lideranças do cada vez mais empobrecido Distrito de Glorinha, que provocou a centelha de um sonho de "independência", a busca ansiada da autodeterminação, a construção do próprio caminho e a decisão de um futuro mais digno.
636 148

edições