Diferenças entre edições de "Clara Pinto Correia"

30 bytes adicionados ,  11h35min de 13 de maio de 2016
sem resumo de edição
==Formação e actividade académica==
 
Motivada pelo sonho de um dia vir a ser ''Park Ranger'' numa reserva africana (nas revistas que o pai assinava, nomeadamente a [[National Geographic (revista)|''National Geographic'']], fascinavam-na (particularmente as fotos de [[Jane Goodall]] com os chimpanzés), Clara Pinto Correia vai estudar biologia para a [[Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa]]<ref name=Infopedia />. Aí termina a licenciatura em 1984. No ano seguinte integra o corpo docente da [[Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa]] como assistente estagiária de biologia celular e histologia e embriologia e, simultaneamente, como doutoranda no Laboratório de Biologia Celular do [[Instituto Gulbenkian de Ciência]], em ambos os casos sob orientação do professor J. David-Ferreira. Deixa-se ficar aí até 1989, ano em que vai para o Estados Unidos como «''visiting scientist»'' do laboratório de Sabina Sobel, nona Department[[Universidade ofde AnatomicalNova SciencesIorque]] da State University of New York atem [[Buffalo]] para execução do projecto de doutoramento. Em Outubro de 1992 foi-lhe conferido, com distinção e louvor por unanimidade, o grau de Doutor em Biologia Celular pelo Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da [[Universidade do Porto]].<ref name=Infopedia />. Regressa aos EUA, agora como «''postdoctoral fellow»'' no laboratório de [[James Robl]], no Department of Veterinary and Animal Sciences da University of Massachusetts at Amherst, para desenvolver um projecto de investigação relacionado com as interacções nucleo-citoplasmáticas na clonagem de embriões de mamíferos. Em 1994 trocou o trabalho de bancada por um contrato de dois anos para fazer uma especialização em História das Ciências no Department of History of Science da Harvard University, e escrever um livro sobre História das Teorias da Reprodução, em ambos os casos sob orientação de [[Stephen Jay Gould]] e supervisão de [[Everett Mendelshon]]. Publicado o livro "The Ovary of Eve - Egg & Sperm & Preformation", em 1996 regressou a Portugal para criar na Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias a licenciatura em Biologia e o mestrado em Biologia do Desenvolvimento. Paralelamente foi contratada como «research associate» de Stephen Jay Gould no Museum of Comparative Zoology da Harvard University, cargo que manteve até 2002, e como «adjunt professor» no Department of Veterinary and Animal Sciences da University of Massachusetts at Amherst, que manteve até 2001. Em 2004 prestou provas de agregação em História e Filosofia das Ciências na Universidade de Lisboa. Actualmente é professora catedrática da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, onde dirige a licenciatura em Biologia e o mestrado em Biologia do Desenvolvimento. Lecciona em ambos os cursos os módulos associados à história do pensamento biológico e à história das teorias da reprodução. É também «research associate» de [[John Murdoch]] no Department of History of Science da Harvard University e investigadora do Centro de Estudos de História das Ciências Naturais e da Saúde do [[Instituto Rocha Cabral]].
 
==Investigação==
296

edições