Abrir menu principal

Alterações

Sem alteração do tamanho, 13h49min de 15 de maio de 2016
Adição de conteúdo
As '''conferências de Bretton Woods''', definindo o '''Sistema Bretton Woods''' de gerenciamento econômico internacional, estabeleceram em julho de [[1944]] as regras para as relações comerciais e financeiras entre os países mais industrializados do mundo. O sistema Bretton Woods foi o primeiro exemplo, na história mundial, de uma ordem monetária totalmente negociada, tendo como objetivo governar as relações monetárias entre Nações-Estado independentes.
 
Preparando-se para reconstruir o [[capitalismo]] mundial enquanto a [[Segunda Guerra Mundial]] ainda grassava, 730 delegados de todas as 44 nações aliadas encontraram-se no Mount Washington Hotel, em Bretton Woods, [[New Hampshire, EUA]], para a '''Conferência monetária e financeira das Nações Unidas'''. Os delegados deliberaram e finalmente assinaram o '''Acordo de Bretton Woods''' (''Bretton Woods Agreement'') durante as primeiras três semanas de julho de 1944.
 
O Acordo de Bretton Woods durou até [[15 de agosto]] de [[1971]], quando os [[Estados Unidos]], unilateralmente, acabaram com a [[conversibilidade]] do [[USD|dólar]] em [[ouro]], o que efetivamente levou o sistema de Bretton Woods ao colapso e tornou o dólar uma [[moeda fiduciária]].<ref>Annie Lowrey (9 de fevereiro de 2011) [http://www.slate.com/articles/business/moneybox/2011/02/end_the_fed_actually_maybe_not.html End the Fed? Actually, Maybe Not.]. Slate.com.</ref> Essa decisão, referida como [[choque Nixon]] (''Nixon Shock''), criou uma situação em que o dólar americano se tornou [[moeda de reserva]], usada por muitos Estados. Ao mesmo tempo, outras [[moeda]]s, que até então eram [[câmbio fixo|fixas]] (como a [[libra esterlina]], por exemplo), passaram a ser [[câmbio flutuante|flutuantes]].<ref>[http://economia.estadao.com.br/noticias/geral,veja-como-o-dolar-se-tornou-a-moeda-de-referencia-mundial,400908 Veja como o dólar se tornou a moeda de referência mundial]. Por Giuliana Vallone. [[Estadão]], 10 de julho de 2009.</ref>
Utilizador anónimo