Menchevique: diferenças entre revisões

12 bytes removidos ,  20 de maio de 2016
m
Foram revertidas as edições de 191.19.212.193 para a última revisão de DARIO SEVERI, de 00h39min de 1 de abril de 2016 (UTC)
(erros ortográficos)
m (Foram revertidas as edições de 191.19.212.193 para a última revisão de DARIO SEVERI, de 00h39min de 1 de abril de 2016 (UTC))
{{Sem-fontes|data=outubro de 2012}}
[[Ficheiro:Mensevikii.jpg|thumb|300px|right|Líderes do Partido Menchevique em [[Norra Bantorget]], [[Estocolmo]], maio de [[1917]]. [[Pavel Axelrod]], [[Julius Martov]] e [[Alexander Martinov]]]]
Os '''mencheviques''' pertenciam a uma facção do movimento revolucionário russo que surgiu em [[1903]] depois da (A) (C) (B) disputa entre [[Vladimir Lenin]] e [[Julius Martov]], ambos membros do [[Partido Operário Social-Democrata Russo]] (POSDR). Quando da realização do Segundo Congresso do POSDR, Lenin defendeu a ideia de ter um pequeno partido composto de revolucionários profissionais com um grande número de apoiadores e simpatizantes que não seriam membros do partido. Martov discordou, achava que seria melhor ter um grande partido de ativistas de grande representação. A disputa entre Lenin e Martov foi acirrada. Durante o congresso, Martov conseguiu que uma discreta maioria dos delegados apoiasse sua proposta. No entanto, quando o Comitê Central do partido foi eleito, a maioria votou a favor da facção de Lenin. Os apoiadores de Martov ficaram conhecidos como "Mencheviques", enquanto que a facção de Lenin ficou conhecida como os [[Bolcheviques]].
 
Contrariando a decisão dos delegados, o Comitê Central adotou a posição de Lenin. É devido a isso que Menchevique deriva da palavra russa меньшинство ("minoria") enquanto que Bolchevique é derivado de большинство ("maioria").