Diferenças entre edições de "Carlos Zara"

Sem alteração do tamanho ,  19h16min de 5 de junho de 2016
Depois da estreia nos palcos, Zara foi parar nos estúdios da [[TV Record]], em [[1956]]. Em [[1959]] participou do teleteatro da [[TV Tupi]]. Um ano depois, a convite da Record, aceitou o desafio de encenar e dirigir clássicos da literatura no Grande Teatro Record. Em [[1963]] foi chamado para fazer parte do elenco da [[TV Excelsior]]. E nesta emissora que, em [[1967]], fez um de seus papéis mais marcantes: o Capitão Rodrigo, personagem da adaptação para a TV do romance ''[[O Tempo e o Vento (Excelsior)|O Tempo e o Vento]]'', de [[Érico Veríssimo]].
 
Atuou em mais de 30 [[novela]]s e minisséries, 26 peças teatrais e quatro [[filme]]s, entre eles [[Pra frente, Brasil]] ([[19811982|1982]]) e [[Lamarca]] ([[1994]]). Na [[Rede Globo]] atuou em ''[[Pai Herói]]'', ''[[Baila Comigo (telenovela)|Baila Comigo]]'', ''[[Elas por Elas]]'', ''[[Direito de Amar]]'', ''[[Sassaricando]]'', ''[[Lua Cheia de Amor]]'', ''[[Anos Rebeldes]]'', ''[[Mulheres de Areia]]'', ''[[Pátria Minha]]'' e ''[[Cara e Coroa]]'', entre outras. Talvez seu trabalho mais marcante na emissora carioca tenha sido o seu primeiro, em ''Pai Herói'', de [[Janete Clair]], onde viveu o mau-caráter César Reis, que tiranizava a esposa Carina ([[Elizabeth Savalla]]) e que era o principal antagonista de André ([[Tony Ramos]]). Seu último trabalho na TV foi ao lado de sua mulher e também atriz [[Eva Wilma]] - com quem foi casado por 23 anos - no seriado ''[[Mulher (série)|Mulher]]'' (1998/99). Os dois se conheceram nos bastidores da TV Tupi, na [[década de 1970]], quando fizeram juntos a novela [[Mulheres de Areia]].<ref name=Quem>{{citar web|título=Morre aos 72 anos o ator Carlos Zara|url=http://revistaquem.globo.com/Revista/Quem/0,,EMI34364-9531,00-MORRE+AOS+ANOS+O+ATOR+CARLOS+ZARA.html|obra=Globo|acessodata=24 de janeiro de 2016}}</ref>
 
Morreu aos 72 anos de idade, em decorrência de falência múltipla de órgãos e insuficiência respiratória provocadas por um câncer de esôfago, após passar cinco dias internado no [[Hospital Sírio-Libanês]], em São Paulo. Ele estava sob os cuidados dos médicos [[Drauzio Varella]] e Wagner Ibraim Pereira. O câncer, descoberto em agosto de [[2001]], estava sendo tratado com sessões de radioterapia e quimioterapia.
Utilizador anónimo