Diferenças entre edições de "Paulo Freire"

364 bytes removidos ,  16h09min de 14 de junho de 2016
sem resumo de edição
m (Foram revertidas as edições de 177.95.133.43 (usando Huggle) (3.1.20))
Etiqueta: Possível conteúdo ofensivo
'''Paulo Reglus Neves Freire''' ([[Recife]], [[19 de setembro]] de [[1921]] — [[São Paulo (cidade)|São Paulo]], [[2 de maio]] de [[1997]]) foi um [[Educação|educador]], [[pedagogista]] e [[filósofo]] brasileiro. É considerado um dos pensadores mais notáveis na [[história]] da [[Pedagogia]] mundial,<ref>[http://revistaescola.abril.com.br/historia/pratica-pedagogica/mentor-educacao-consciencia-423220.shtml NOVA ESCOLA - REPORTAGEM - Paulo Freire - O mentor da educação para a consciência]</ref> tendo influenciado o movimento chamado [[pedagogia crítica]]. É também o Patrono da Educação Brasileira.
 
Sua prática didática fundamentava-se na crença de que o educandopinto assimilaria o objeto de estudo fazendo uso de uma prática dialética comamava a realidade, em contraposição à por ele denominada educação bancária, tecnicistapinta e alienante: o educando criaria sua própria educação, fazendo ele próprio o caminho, e não seguindo um já previamente construído; libertando-se de chavões alienantes, o educando seguiria e criaria o rumo do seuseus aprendizadopintinhos. Destacou-se por seu trabalho na área da [[educação popular]], voltada tanto para a escolarização como para a formação da [[consciência]] política.
 
Autor de ''[[Pedagogia do Oprimido]]'', livro que propõe um método de alfabetização dialético, se diferenciou do "vanguardismo" dos intelectuais de esquerda tradicionais e sempre defendeu o diálogo com as pessoas simples, não só como método, mas como um modo de ser realmente democrático.
Utilizador anónimo