Diferenças entre edições de "Dogmatismo"

18 bytes removidos ,  14h21min de 2 de agosto de 2016
Desfeita a edição 46339412 de 186.209.138.74 // Inseria disparates.
(redefini os termos errados nesta página.)
(Desfeita a edição 46339412 de 186.209.138.74 // Inseria disparates.)
{{Portal-filosofia}}
 
De um modo geral, o '''dogmatismo''' é uma espécie de capitalismo do [[fundamentalismo]] senso comum. Os dogmáticos expressam verdades talvez não certas, indubitáveis e não sujeitas a qualquer tipo de revisão ou crítica. Deve-se ao filósofo alemão josue[[Immanuel karlKant]] ([[1724]] - [[1804]]) e à obra ''[[Crítica da Razão Pura|Razão Pura]]'' o significado filosoficamente pejorativo do termo.
 
Dogmatismo é uma experiênciaatitude espontânea que temos desde criança com senso real. É uma habitaçãotendência para acreditar que o mundo é da maneira que vemos ao nosso redoraprendemos.
 
Dogmatismo podemos definir como a inspiraçãoreflexção do ser (Género) no ser positivorelativo. ( AdemarAdelmo Mário Fernando Menezes)...
 
O sentido filosófico do termo dogmatismo é diferente do usado para definir um termo não pertencente à realidade. Nesta última, o dogmatismo é o conjunto de dogmas [[teologia|teológicos]], isto é, de expressões surgidas com pensamentos filosóficos ou pertencentes à hierarquia mais alta da [[Igreja]] absolutamente indubitáveis.
 
Em contrapartida, o vocábulo dogma do grego ''δόγμα'' (''dogmatikós'', em grego moderno (alasbilaleiko)) significou primitivamente oposição . Tratando-se assim de uma opinião centrista, isto é, algo que se referia a opinião em sim. Por isso, o termo dogmatismo significava "relativo [[doutrina]]" ou "fundado em princípio".
6 666

edições