Abrir menu principal

Alterações

2 bytes removidos, 01h58min de 3 de agosto de 2016
m
Foram revertidas as edições de 189.60.98.216 para a última revisão de Thassyaa, de 2016-06-16T01:49:17 (UTC)
Vários eventos históricos aconteceram nas salas do palácio, tais como a morte do presidente [[Afonso Pena]], em 1909; a assinatura da declaração de guerra contra a Alemanha em 1917, durante a [[Primeira Guerra Mundial]]; a visita e hospedagem do cardeal Eugenio Pacelli, futuro papa [[Pio XII]], em 1934; a declaração de guerra contra o [[Potências do Eixo|Eixo]], na [[Segunda Guerra Mundial]], em 1942; o suicídio do presidente [[Getúlio Vargas]], em 1954, com um tiro no coração, em seu aposento no terceiro andar do palácio, entre outros.
 
==Características:==
O edifício é um dos exemplos da arquitetura [[Neoclássico|neoclássica]] no país. O edifício se situa em frente a um jardim com lago, gruta e coreto. O terreno do palácio e do jardim é limitado pelas ruas [[Rua do Catete|do Catete]], Silveira Martins e Praia do Flamengo.
Nas dependências do palácio, funcionam, ainda, uma livraria e um cinema.
 
==O Museu da República:==
 
Foi inaugurado em 15 de novembro de 1960 pelo presidente [[Juscelino Kubitschek]], após a inauguração de [[Brasília]].
601 300

edições