Diferenças entre edições de "As Tentações de Santo Antão (Bosch, São Paulo)"

(Fix parâmetros obseletos utilizando AWB)
Diversos elementos formais e materiais, presentes no tríptico de Lisboa e na [[pintura]] de São Paulo e ausentes nas demais versões da obra, reforçam a existência de uma relação de proximidade autográfica entre os dois painéis. Exames a [[raios X]] executados no retábulo do Museu de Arte Antiga revelaram, em várias partes, intervenções do pintor sobre detalhes já acabados. O mesmo hábito é documentado por análise realizada com esta técnica sobre a obra paulista. A madeira dos painéis é idêntica nas duas obras ([[carvalho]]), assim como a disposição das tábuas que os compõem, juntadas por encaixes em forma de andorinha, como era costume nos Países Baixos no final do [[século XV]].<ref name="MIGLIACCIO" />
 
Uma pesquisa científica mais recente do retábulo paulista, realizada com métodos laboratoriais pela [[Universidade Estadual de Campinas]] ([[radiação ultravioleta]], [[fotografia]] em [[infravermelho]], [[estratigrafia]] da camada pictórica, entre outros estudos) resultou num parecer semelhante. De acordo com o laudo da [[universidade]], “''há detalhes inéditos na composição a óleo do MASP que fazem dele uma autêntica versão de pesquisa por parte do artista. Estes detalhes foram minuciosamente catalogados, pois pode tratar-se de uma obra em etapa de evolução até atingir a perfeição demonstrada no painel de Lisboa''”.<ref name="HITNER">{{citar web | autor=Hitner, Sandra | titulo=Perícia na pintura de Jheronimus Bosch - As Tentações de Santo Antão | publicado = Instituto de Artes da Unicamp | url=http://www.restaurabr.org/arc/arc06pdf/13_SandraHitner.pdf| formato=PDF | acessodata=[[9 de abril]] de [[2008]] }}</ref>
 
== Proveniência ==
Após a sua aquisição pelo MASP, ''Tentações de Santo Antão'' integrou a turnê de exposições das obras do museu em instituições [[Europa|europeias]] e [[Estados Unidos|norte-americanas]]. Em [[1954]], figurou nas exposições ''Dipinti del Museo d'Arte di San Paolo del Brasile'', no [[Palácio Real de Milão|Palazzo Reale]] de [[Milão]], e ''Masterpieces from the São Paulo Museum'', na [[Tate Gallery]] de [[Londres]]. Em [[1956]] foi exposta no [[Metropolitan Museum of Art]] de Nova York e, no ano seguinte, no Museu de Arte de [[Toledo (Ohio)|Toledo]]. Esteve no [[Museu Nacional de Arte Ocidental]] de [[Tóquio]], em [[1974]] e novamente em [[1978]]. Em [[1987]], a obra integrou uma série de exposições em diversas cidades [[Itália|italianas]] ([[Milão]], [[Verona]], [[Gênova]], [[Nápoles]] e [[Palermo]]).<ref name="MIGLIACCIO" />
 
== {{Ver também}} ==
* [[Antão do Deserto]]
* [[As Tentações de Santo Antão]]
{{referências}}
 
== {{#if:|{{ELES|Bibliografia|}}|Bibliografia }} ==
<div class="references-small">
* Foucault, Michel. História da Loucura na Idade Clássica. São Paulo: Perspectiva, 1978. p.&nbsp;19
* {{Citar livro|Autorautor= Atanásio de Alexandria|Títulotítulo= Vida de Antonio |Subtítulo= | Edição=| Local de publicaçãolocal = Zamora| Editoraeditora= Ediciones Monte Casino| Anoano=1988 |Páginaspáginas=35 |Volumes= |Volume= | ID=}}
* {{Citar livro|Autorautor= Camesasca, Ettore|Títulotítulo= Da Raffaello a Goya... da Van Gogh a Picasso |Subtítulosubtítulo= 50 dipinti dal Museu de Arte di San Paolo del Brasile. Catálogo da exposição| Edição=| Local de publicaçãolocal = Milão| Editoraeditora= Palazzo Reale| Anoano=1987 |Páginaspáginas=50-63 |Volumes= |Volume= | ID=}}
* {{Citar livro|Autorautor= De Tolnay, Charles|Títulotítulo= Hieronymus Bosch |Subtítulo= | Edição=| Local de publicaçãolocal = Basiléia| Editoraeditora= Les Éditions Holbein| Anoano=1937 |Páginas= |Volumes= |Volumevolume= XIV| ID=}}
* {{Citar livro|Autorautor= Friedländer, Max J|Títulotítulo= Die altniederländische Malerei |Subtítulo= | Edição=| Local de publicaçãolocal = Leida| Editoraeditora= A. W. Sijthoff| Anoano=1937 |Páginaspáginas=99-100 |Volumes= |Volumevolume= XIV| ID=}}
* Lievens-De Waegh, Marie-Léopoldine. Les tentations de Saint Antoine de Jérôme Bosch au Musée de Lisbonne - Étapes de l'élaboration d'un chef-d'ouvre ''Bulletin de l'Institut Royal du Patrimoine artistique'', Bruxelas, XIV, 152-175 p., 1973-1974.
* Migliaccio, Luciano. Hieronymus Bosch. In: Marques, Luiz (org.) ''Catálogo do Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand'': Arte da península Ibérica, do centro e do norte da Europa. São Paulo: Prêmio, 1998. 83-87 p.
* Ragghianti, Carlo Ludovico. Ancora sul Museo de San Paolo. ''SeleArte'', Florença, XIII, 62 p., julho-agosto, 1954.
* {{Citar livro|Autorautor= Von Baldass, Ludwig|Títulotítulo= Hieronymus Bosch |Subtítulo= | Edição=| Local de publicaçãolocal = Nova York| Editoraeditora= H. N. Abrams| Anoano=1960 |Páginas= |Volumes= |Volume= | ID=}}
</div>
 
== {{Ligações externas}} ==
* {{Link||2=http://www.restaurabr.org/arc/arc06pdf/13_SandraHitner.pdf |3=Perícia na pintura de Jheronimus Bosch - As Tentações de Santo Antão - MASP}}
* {{Link||2=http://ciarteblog.blogspot.com/2008/02/as-tentaes-de-santo-anto-de-jernimo.html |3=As Tentações de Santo Antão, de Jerónimo Bosch, do Museu de Arte de São Paulo}}