Abrir menu principal

Alterações

44 bytes adicionados ,  00h32min de 27 de agosto de 2016
sem resumo de edição
Um dos maiores atacantes da história do futebol argentino, atuava como ponteiro direito.Começou no [[Club Atlético San Telmo|San Telmo]], em [[1925]], depois jogou pelo [[Sportivo Buenos Aires]]. Atuou com muito destaque na primeira [[Copa do Mundo FIFA]], que foi disputada em 1930 no [[Uruguai]], marcando 3 gols, inclusive um na final contra os anfitriões. No total foram 29 jogos e 13 gols com a camisa ''albiceleste'' dos platinos entre 1928 e 1940, com a seleção argentina foi campeão da [[Copa América]], quando essa competição era chamada de Campeonato Sul-Americano em 1929 e 1937.
 
Depois do mundial, o poderoso [[Club Atlético River Plate|River Plate]] comprou o seu passe por 10.000 pesos, uma quantia enorme para a época; foi a partir daí que o clube passaria a ser conhecido como ''millonarios''.<ref>"Carlos Peucelle", ''El Gráfico especial'' número 27, "100 Ídolos de River", novembro de 2010, pág. 45</ref> Foram 307 jogos entre 1931 e 1941, com 113 gols assinalados pela camisa ''Millionaria'', conquistando os campeonatos argentinos de [[Campeonato Argentino de Futebol de 1932|1932]], [[Campeonato Argentino de Futebol de 1936|1936]] ([[Copa Campeonato de 1936|Copa Campeonato]] e [[Copa de Oro de 1936|Copa de Oro]]), [[Campeonato Argentino de Futebol de 1937|1937]] e [[Campeonato Argentino de Futebol de 1941|1941]]. Juntamente com nomes como [[Adolfo Pedernera]] e [[Bernabé Ferreyra]] fez história uma celebrada equipe do River, sendo considerado um dos pais da ''La Máquina'' que encantaria o país nas [[década de 1930|décadas de 1930]] e [[década de 1940|1940]].
 
{{referências}}