Diferenças entre edições de "Nota musical"

2 bytes removidos ,  03h56min de 26 de setembro de 2016
→‎Representação gráfica: Correção para o sistema vigente em línguas latinas
m
(→‎Representação gráfica: Correção para o sistema vigente em línguas latinas)
Em uma [[partitura]] podemos representar as notas de forma gráfica adicionando pequenas elipses com ou sem hastes de forma ordenada sobre cinco pautas. Orientando-se pela [[clave]] adotada para o trecho musical em questão, podemos criar ou interpretar a música, convertendo cada posição em uma nota musical e consequentemente em uma frequência. No pequeno trecho musical representado na figura ao lado, a [[clave de sol]] indica que a leitura das notas deve ser (da esquerda para a direita):<br />
 
'''[[Dó|C]]''' - '''[[Ré (nota)|D]]''' - '''[[Mi (nota)|Emi]]''' - '''[[Fá|F]]''' - '''[[Sol (nota)|Gsol]]''' - '''[[Lá|A]]''' - '''[[Si (nota)|Bsi]]''' - '''[[Dó|C]]''' - '''[[Si (nota)|Bsi]]''' - '''[[Lá|A]]''' - '''[[Sol (nota)|Gsol]]''' - '''[[Fá|F]]''' - '''[[Mi (nota)|Emi]]''' - '''[[Ré (nota)|D]]''' - '''[[Dó|C]]'''
 
Vale notar que a sequência se repete, sendo que cada uma é chamada de oitava. Na primeira oitava o '''dó''' corresponde a frequência de 261,63 Hz. Na segunda oitava o '''dó''' equivale a 523,26 Hz (o dobro). Essa analogia se repete para todas as notas em cada uma das oitavas. Quanto mais oitavas abrange o instrumento, maiores são as combinações possíveis para enriquecer a melodia, sendo que o [[órgão]] é o instrumento com a maior gama de oitavas e consequentemente de frequências. Embora pareça confuso, é possível analisar a harmonia da composição comparando as frequências das notas utilizadas e verificando se são todas harmônicas. A teoria da música, de forma geral, é baseada nesse princípio.<br />
Utilizador anónimo