Abrir menu principal

Alterações

40 bytes adicionados, 21h12min de 23 de outubro de 2016
A figura central e principal instigador da independência do México foi [[Miguel Hidalgo|Miguel Hidalgo y Costilla]], padre na pequena paróquia de [[Dolores Hidalgo]], [[Guanajuato]]. Logo após a sua ordenação como sacerdote, Hidalgo começou a promover o levantamento popular de índios e mestiços contra os espanhóis abastados, os fazendeiros e os aristocratas. Cedo compreendeu a necessidade de diversificação das atividades industriais em Guanajuato, cuja economia estava tradicionalmente centrada na indústria mineiradora. Ao mesmo tempo, durante os sete anos que passou em Dolores, Hidalgo promoveu grupos de discussão em sua casa, onde eram bem-vindos indígenas, mestiços, ''[[criollo]]s'' (de origem espanhola, mas nascidos na Nova Espanha) e peninsulares. Os temas abordados nestas discussões eram acontecimentos da época, aos quais Hidalgo juntava as suas opiniões sociais e económicas. O movimento independentista nasceu destas discussões informais e era dirigido contra o domínio político e económico espanhol sobre a [[Nova Espanha]]. Foi em [[8 de Dezembro]] de [[1810]] que os conspiradores decidiram iniciar o conflito.
 
== O Grito de Dolores '''Segundo o Gabriel (Vulgo Rosinha)''' ==
Os planos independentistas foram descobertos pelo governo central, sendo os conspiradores alertados por [[Josefa Ortíz de Domínguez]], mulher do Corregedor de [[Querétaro (cidade)|Querétaro]], de que havia ordens de captura emitidas contra eles. Pressionado por estes novos acontecimentos, Hidalgo decidiu iniciar imediatamente a luta pela independência, na manhã do dia 16 de Setembro de 1810 (sendo esta a data em que o México celebra a sua independência).
Os sinos tocaram a rebate chamando a população a quem Hidalgo pediu que se juntassem à luta contra o governo espanhol e peninsulares, com o seu famoso Grito de Dolores: ''”Viva a Virgem de Guadalupe! Morte ao mau governo! Viva Fernando VII!”''. A população respondeu entusiasticamente e de imediato uma multidão começou a marchar em direcção à capital regional, Guanajuato. Os mineiros de Guanajuato juntaram-se aos trabalhadores de Dolores no massacre de todos os peninsulares que ofereceram resistência, incluindo o intendente, dirigente colonial na região.
Utilizador anónimo