Diferenças entre edições de "Branca de Neve"

1 125 bytes removidos ,  01h31min de 28 de outubro de 2016
sem resumo de edição
m (Foram revertidas as edições de 177.81.80.207 para a última revisão de Sem Naipe, de 19h18min de 18 de outubro de 2016 (UTC))
Etiquetas: Editor Visual Remoção considerável de conteúdo
== branca de neve ==
{{ver desambiguação}}
[[Ficheiro:Franz Jüttner Schneewittchen 4.jpg|right|thumb|300px|Branca de Neve, ilustração de 1905, feita por Franz Jüttner]]
'''Branca de Neve''' (em [[língua alemã|alemão]] ''Schneewittchen'') é um [[conto de fada]]s originário da [[tradição oral]] alemã, que foi compilado pelos [[Irmãos Grimm]] e publicado entre os anos de [[1812]] e [[1822]], num livro com várias outras fábulas, intitulado "''Kinder-und Hausmärchen''" ("Contos de Fada para Crianças e Adultos").
 
== O clássico ==
O conto ''Branca de Neve'', na versão dos [[Felipe Lemos|irmãos Grimm]], guarda algumas diferenças das muitas versões que se popularizaram antes e após a compilação feita por eles em seu livro.
 
No início da história contada pelos Grimm, uma rainha costurava, no inverno, ao lado de uma janela negra como o [[ébano]]. Ao lançar o olhar para a [[neve]], picou o dedo com a agulha, e três gotas de [[sangue]] pingaram sobre a neve, o que a deixou admirada e a fez pensar que, se tivesse uma filha, gostaria que fosse "alva como a neve, rubra como o sangue e com os cabelos negros como o ébano da janela".
 
Não tardou, e a rainha teve uma filha de descrições idênticas ao seu pedido: branca como a neve, com os cabelos negros como o ébano e os lábios vermelhos como o sangue. Mas, tão logo sua filha veio ao mundo, a rainha morreu. O pai deu à filha o nome de Branca de Neve, e logo tornou a casar com uma mulher arrogante, esnobe e vaidosa, possuidora de um [[espelho mágico]] que só falava a verdade.