Diferenças entre edições de "Independência de Taiwan"

893 bytes adicionados ,  01h46min de 5 de novembro de 2016
Formatação de referências.
m
(Formatação de referências.)
[[FicheiroImagem:Flag of Taiwan proposed 1996.svg|thumb|280px|right255px|Bandeira independentista de Taiwan.]]
[[FicheiroImagem:326Flag.jpg|thumb|right|280px260px|Bandeira da manifestação de 26 de março de 2005 em [[Taipei]] contra a Lei Antissecessão Chinesa. A manifestação foi realizada por partidários da independência formal de Taiwan, que se identificam com a cor verde.]]
 
'''Independência de Taiwan''' é um movimento político ou sociopolítico cujo principal objetivo é a eliminação dos vínculos entre a [[República Popular da China]] e a [[República da China]] e a criação de um Estado independente e soberano na [[ilha de Taiwan]], sob o nome de "República de Taiwan".
Antes de 1895, Taiwan e a [[China continental]] eram governados pela [[Dinastia Qing]]. Após a [[Primeira Guerra Sino-Japonesa]], Taiwan foi parte do [[Império do Japão]] por 50 anos. No final da [[II Guerra Mundial]], Taiwan foi retomada pela República da China em 1945 junto com a maioria da [[China continental]] até 1949. Desde a fuga do [[Kuomintang]], que foi derrotado pelo [[Partido Comunista da China]] na China continental, para a ilha de [[Ilha Formosa|Formosa]], o governo da República da China tem controlado apenas Taiwan e as ilhas circundantes.
 
Este movimento é apoiado pela [[Coligação Pan-Verde]] em [[Taiwan]] e é oposta pela [[Coligação Pan-Azul]], que é a favor da [[reunificação chinesa|reunificação]] com a [[China continental]]. Durante os [[anos 1990]] e início de 2000, os apoiantes da independência de Taiwan propuseram a elaboração de uma nova constituição, sem sucesso.<ref>{{citaCitar web | url = http://www.taipeitimes.com/News/front/archives/2004/07/02/2003177341 | título titulo= Lee launches constitution campaign |data=2 editorialde julho de 2004 |acessodata=novembro Taipeide Times2016 |publicado=Taipei fechaTimes |lingua=en 02-07-|arquivourl=https://web.archive.org/web/20161105013618/http://www.taipeitimes.com/News/front/archives/2004/07/02/2003177341 |arquivodata=WebArchive}}</ref><ref>{{citaCitar web | url = http://www.taipeitimes.com/News/taiwan/archives/2007/03/19/2003352928 | título titulo= Group pushes new constitution |data=19 editorialde março de 2007 |acessodata=novembro Taipeide Times2016 |publicado=Taipei fechaTimes |lingua=en 19-03-|arquivourl=https://web.archive.org/web/20161105013750/http://www.taipeitimes.com/News/taiwan/archives/2007/03/19/2003352928 |arquivodata=WebArchive}}</ref><ref>{{citaCitar web | url = http://www.taipeitimes.com/News/editorials/archives/2003/10/28/2003073703 | título titulo= US, EU apt constitutional models |data=28 editorialde outubro de 2003 |acessodata=novembro Taipeide Times2016 |publicado=Taipei fechaTimes |lingua=en 28-10-|arquivourl=https://web.archive.org/web/20161105013906/http://www.taipeitimes.com/News/editorials/archives/2003/10/28/2003073703 |arquivodata=WebArchive}}</ref> sem sucesso. Em 2000, as eleições presidenciais foram vencidas por [[Chen Shui-bian]], líder do [[Partido Democrático Progressista]], formado por vários partidos a favor da independência formal de Taiwan. O atual presidente, [[Lee Teng-hui]], foi acusado por seu próprio partido de deslealdade, por apoiar a independência, o que é contra a ideologia do partido. Lee acabaria deixando o [[Kuomintang]] e fundando, em [[24 de julho]] de [[2001]], seu próprio partido, de ideologia fortemente pró-independência, a [[União Solidária de Taiwan]], como parte da Coalizão Pan-Verde.
Em 14 de março de 2005, a República Popular da China aprovou a [[Lei anti-secessão|Lei Anti-Secessão]], que prevê a intervenção militar da República Popular da China em caso de uma declaração formal de independência de Taiwan.
 
Devido à demanda de soberania sobre Taiwan e repetidas ameaças da República Popular da China, uma declaração formal de independência poderia levar a um confronto militar entre as forças armadas da República da China e o [[Exército de Libertação Popular]], o que poderia levar à intervenção de outros países, como os [[Estados Unidos]] e o [[Japão]].<ref>[{{Citar web |url=http://www.heritage.org/Researchresearch/AsiaandthePacificlecture/hl808.cfmus-taiwan-defense-relations-in-the-bush-administration |titulo=U.S.-Taiwan Defense Relations in the Bush Administration], ''|acessodata=novembro de 2016 |publicado=[[Heritage Foundation]]'' |ultimo=Brookes |primeiro=Peter |lingua=en |arquivourl=https://web.archive.org/web/20161105014004/http://www.heritage.org/research/lecture/us-taiwan-defense-relations-in-the-bush-administration |arquivodata=WebArchive}}</ref>
 
== Ver Também ==
* [[Um país em cada lado]]
 
{{referênciasReferências}}
 
{{Portal3|Política|Taiwan|China}}
 
[[Categoria:Movimentos de independência]]
2 451

edições