Diferenças entre edições de "Enrique Peña Nieto"

1 772 bytes adicionados ,  19h46min de 13 de novembro de 2016
=== Política externa ===
{{AP|Relações internacionais do México}}
[[Ficheiro:Conferencia de la ONU sobre Cambio Climático COP21 3K1A8529 (23430081855).jpg|thumb|left|220px|Peña Nieto discursa na [[Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas de 2015|Conferência sobre as Mudanças Climáticas]] (COP 21), em [[30 de novembro]] de [[2015]] na cidade de [[Paris]].]]
Durante sua candidatura presidencial, Peña Nieto lançou o livro ''México, la gran esperanza'', através do qual defendeu diretrizes do que seria sua futura política externa, assinalando algumas ações estratégicas do país como protagonista da política internacional.<ref>{{Citar web|url=http://www.adnpolitico.com/2012/2011/11/22/mexico-la-gran-esperanza-un-estado-eficaz|título='México la gran esperanza. Un Estado eficaz...'|publicado=''ADN Político''|data=22 de novembro de 2011}}</ref> Em 1 de dezembro de 2012, em meio aos demais Secretários de Estado, Peña Nieto nomeou José Antonio Meade Kuribreña como [[Ministério de Relações Exteriores|Secretário de Relações Exteriores]]. Sua política diplomática têm sido baseado nos seguintes pilares:<ref>{{Citar web|url=http://www.excelsior.com.mx/opinion/2012/07/12/foro-internacional-anahuac/847262|título=La política exterior de Enrique Peña Nieto|publicado=''Excelsior''|data=12 de julho de 2012}}</ref>
 
 
; América Latina e Caribe
No que diz respeito à [[América Latina]], o governo Peña Nieto buscou retomar o diálogo saudável com [[Cuba]] e [[Venezuela]], iniciando com visitas oficiais aos respectivos países. Peña Nieto reuniu-se com [[Fidel Castro]] durante a II Cúpula da [[Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos]] em janeiro de [[2014]].<ref>{{Citar web|url=http://www.excelsior.com.mx/nacional/2014/01/29/941004|título=Enrique Peña Nieto se reúne con Fidel Castro en La Habana|publicado=''Excelsior''|data=29 de janeiro de 2014}}</ref> No mesmo ano, liderou uma comitiva do governo ao [[Hugo Chávez|Funeral de Hugo Chávez]] em [[Caracas]], apesar de salientar que sua viagem não incluía uma agenda formal política.<ref>{{Citar web|url=http://mexico.cnn.com/nacional/2013/03/08/visita-a-venezuela-es-por-solidaridad-no-por-interes-politico-pena-nieto|título=Sin interés político la visita a Venezuela, fue por solidaridad: Peña|publicado=''Excelsior''|data=8 de março de 2013}}</ref><ref>{{Citar web|url=http://saladeprensa.sre.gob.mx/index.php/es/comunicados/2368-052|título=El Gobierno de México expresa condolencias por el fallecimiento del presidente Chávez|publicado=Sala de Prensa de la Presidencia de la República}}</ref> Em contrapartida, [[Elías Jaua]], Ministro de Relações Exteriores da Venezuela, havia realizado uma visita oficial ao México em novembro de 2013 na finalidade de dar um passo sólido rumo a retomada de um diálogo bilateral com o país.<ref>{{Citar web|url=http://saladeprensa.sre.gob.mx/index.php/comunicados/3335-415|título=Comunicado 415. El Canciller de la República Bolivariana de Venezuela realiza visita oficial a México|publicado=Secretaría de Relaciones Exteriores de México|data=4 de novembro de 2013}}</ref>
 
Desde sua posse como Presidente do México, Peña Nieto participou de três reuniões de cúpula da [[Aliança do Pacífico]], mostrando-se promotor do papel do organismo na [[Integração latino-americana|integração regional]] liderada igualmente por [[Chile]], [[Colômbia]] e [[Peru]].<ref>{{Citar web|url=http://www.theatlantic.com/international/archive/2014/02/the-most-important-alliance-youve-never-heard-of/283877/|título=The Most Important Alliance You’ve Never Heard Of|autor=Naím, Moisés|publicado=''The Atlantic''|data=17 de fevereiro de 2014}}</ref><ref>{{Citar web|url=http://m.noticias.uol.com.br/midiaglobal/elpais/2013/05/25/alianca-do-pacifico-se-consolida-como-novo-motor-latino-americano.htm|título=Aliança do Pacífico se consolida como novo motor latino-americano|autor=González, Miguel|publicado=''[[UOL|UOL Notícias]]''|data=25 de maio de 2013}}</ref> Em [[2014]], durante a 9ª reunião de cúpula da organização em [[Nayarit]], o México assumiu a Presidência ''pro tempore'' da organização.<ref>{{Citar web|url=http://www.milenio.com/politica/Cumbre_Alianza_del_Pacifico-Alianza_del_Pacifico-Punta_Mita-Nayarit-Chile-Mexico-Peru-Colombia_0_320968006.html|título=Inaugura Peña IX Cumbre de la Alianza del Pacífico|autor=Arellano, Silvia; Rivera, Caronila|publicado=''Milenio''|data=20 de junho de 2014}}</ref><ref>{{Citar web|url=https://alianzapacifico.net/en/presidents-of-the-pacific-alliance-highlight-investment-opportunities-in-their-countries-2/|título=Presidents of the Pacific Alliance highlight investment opportunities in their countries|publicado=[[Aliança do Pacífico]]}}</ref>
 
; América do Norte
 
; Europa
; Ásia
Utilizador anónimo