Diferenças entre edições de "Cicatrização"

68 bytes adicionados ,  17h36min de 12 de dezembro de 2016
sem resumo de edição
'''Cicatrização''' é o nome dado ao processo de reparo se faz à custa da proliferação do tecido conjuntivo fibroso, em que o tecido preexistente fica substituído por [[cicatriz|cicatriz fibrosa]].
 
Para muitos, o processo de cicatrização é considerado um seguimento do [[inflamação|processo inflamatório]] que provocou perda de substância. Realmente, na inflamação, o reparo se faz presente desde a fase aguda. O reparo também ocorre após perda de tecido por [[infarto]], hemorragias[[hemorragia]]s, por [[cirurgia|ressecção cirúrgica]], etc.
 
== Fases da cicatrização ==
 
=== Retração ===
Reduz de 50% a 70% o tamanho do ferimento. Tem início dois a três dias após a indução do [[ferimento]]. Este fenômeno é resultado da ação dos miofibroblastos[[miofibroblasto]]s. Se a ação dos miofibroblastos se fizer de maneira exagerada surgem contraturas. Estas são muito comumente vistas nas cicatrizações após queimaduras[[queimadura]]s extensas.
 
=== Tecido de Granulação ===
É a parte mais característica do processo de cicatrização. Representa o novo tecido que cresce para preencher o defeito. O processo de [[angiogênese]] é dos mais importantes e parece ser basicamente o mesmo, tanto para formação do tecido de granulação, como, por exemplo, para criar um novo estroma pra células neoplásicas.
 
* A angiogênese é o processo pelo qual células endoteliais secretam proteases que degradam a matriz extracelular, depois migram nos espaços perivasculares, proliferam e se alinham para formar novos vasos.
 
*Durante o processo de angiogênese as células endoteliais são digeridas por moléculas que fazem interação célula-célula e matriz-célula. As células endoteliais se agrupam e fazem protrusão por entre os fragmentos das membranas basais, a princípio formando fileiras sólidas de células. Nestes brotamentos sólidos, as células endoteliais começam a apresentar vacúolos citoplasmáticos que se fusionam a princípio entre si e logo com os de células vizinhas, dando origem à nova luz vascular. Os sinais ou fatores responsáveis pela angiogênese derivam de vários tipos celulares.
5 959

edições