Diferenças entre edições de "Corrupção no Brasil"

3 444 bytes adicionados ,  16h44min de 6 de janeiro de 2017
m
Críticas à Lava Jato (sim, existem).
m (Adicionando fontes e clarificando o texto.)
m (Críticas à Lava Jato (sim, existem).)
 
A [[Operação Lava Jato]], comandada pelo coordenador da força-tarefa [[Deltan Dallagnol]] e julgada em primeira instância pelo juiz federal [[Sérgio Moro]] ficou amplamente conhecida por combater a corrupção no Brasil com mais de 150 prisões de [[empresário]]s, [[político]]s, [[lobista]]s e [[doleiro]]s.<ref>{{citar web|url=http://www.politize.com.br/lava-jato-combate-corrupcao/|publicado=Politize|acessodata=14 de dezembro de 2016|título=COMBATE À CORRUPÇÃO: A OPERAÇÃO LAVA JATO}}</ref> Além das prisões, houve mais de 100 condenações, com uma pena total superior a 1.200 anos de prisão.<ref>{{citar web|url=http://lavajato.mpf.mp.br/atuacao-na-1a-instancia/resultados/a-lava-jato-em-numeros-1|publicado=MPF|acessodata=14 de dezembro de 2016|título=A Lava Jato em números}}</ref> A operação ganhou diversas premiações pelo combate à corrupção.<ref>{{citar web|url=http://www.gazetadopovo.com.br/vida-publica/lava-jato-curitiba-ganha-premio-nos-eua-por-combate-a-corrupcao-4ni9rd5nd6ktxfif6nn7gshly|publicado=Gazeta do Povo|acessodata=14 de dezembro de 2016|título=Lava Jato Curitiba ganha prêmio nos EUA por combate à corrupção}}</ref><ref>{{citar web|url=https://jornalivre.com/2016/09/26/procuradores-da-lava-jato-sao-premiados-no-cnmp-pelo-combate-a-corrupcao/|publicado=Jornal Livre|data=26 de setembro de 2016|acessodata=14 de dezembro de 2016|título=Procuradores da Lava Jato são premiados no CNMP pelo combate à corrupção}}</ref><ref>{{citar web|url=http://brasil.elpais.com/brasil/2016/12/03/politica/1480785202_649293.html|publicado=El Pais|data=3 de dezembro de 2016|acessodata=14 de dezembro de 2016|título=Força-tarefa da Lava Jato ganha prêmio da Transparência Internacional|autor=Talita Bedinelli}}</ref> O juiz federal americano Peter Messitte, disse que o julgamento do [[mensalão]] e a Operação Lava Jato deixaram para trás os tempos em que escândalos de corrupção política terminavam em ''pizza'' no Brasil.<ref>{{citar web|url=http://www.bbc.com/portuguese/internacional-37030120|publicado=BBC|data=11 de agosto de 2016|acessodata=14 de dezembro de 2016|título=Lava Jato é exemplo mundial de combate à corrupção, diz juiz americano}}</ref>
 
Outrossim, longe de ser uma unanimidade como instrumento de combate à corrupção, a Operação Lava Jato vem atraindo sobre si críticas em relação a práticas consideradas questionáveis por parte de seus titulares ([[Sérgio Moro]] e [[Deltan Dallagnol]]).<ref name="Critica">{{citar web|url=http://www1.folha.uol.com.br/poder/2016/06/1786293-em-livro-jornalista-reconta-lava-jato-sem-esclarecer-seus-misterios.shtml|título=Em livro, jornalista reconta Lava Jato sem esclarecer seus mistérios|editor=[[Folha de S. Paulo]]|autor=Ricardo Balthazar|data=28 de junho de 2016|acessodata=06 de janeiro de 2017}}</ref> Tais críticas não partiram somente de eventuais investigados ou suspeitos, mas da [[Ordem dos Advogados do Brasil]] (OAB),<ref>{{citar web|url=http://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2016-03/oab-nacional-lamenta-teor-de-conversas-gravadas-e-seccionais-criticam|título=OAB nacional lamenta teor de conversas gravadas e seccionais criticam vazamento|editor=[[Agência Brasil]]|autor=Alex Rodrigues|data=17 de março de 2016|acessodata=06 de janeiro de 2017}}</ref> de juristas, e até mesmo por ministros do [[Supremo Tribunal Federal|STF]], como [[Gilmar Mendes]] e do próprio relator da Lava Jato, [[Teori Zavascki]].<ref name="Teori">{{citar web|url=http://veja.abril.com.br/politica/teori-ve-espetaculo-midiatico-na-divulgacao-de-denuncia-de-lula-na-lava-jato/|título=STF mantém Lula com Moro. Mas Teori critica Lava Jato|editor=[[Revista Veja]]|autor=Redação|data=04 de outubro de 2016|acessodata=06 de janeiro de 2017}}</ref> Entre outras práticas, tais críticas denunciam a "espetacularização" da operação,<ref name="Teori"/><ref>{{citar web|url=http://odia.ig.com.br/brasil/2016-09-15/caso-lula-presidente-da-oab-critica-espetaculo-em-apresentacao-do-mpf.html|título=Caso Lula: Presidente da OAB critica 'espetáculo' em apresentação do MPF|editor=[[O Dia]]|autor=Estadão Conteúdo|data=15 de setembro de 2016|acessodata=06 de janeiro de 2017}}</ref> denúncias não fundamentadas,<ref>{{citar web|url=http://exame.abril.com.br/brasil/em-texto-deltan-dallagnol-rebate-criticas-a-lava-jato-leia/|título=Em texto, Deltan Dallagnol rebate críticas à Lava Jato|editor=[[Exame (Brasil)]]|autor=Talia Abrantes|data=19 de setembro de 2016|acessodata=06 de janeiro de 2017}}</ref> o uso sistemático de delações premiadas, a divulgação de conversas telefônicas entre os ex-presidentes [[Dilma Rousseff]] (que então possuía [[foro privilegiado]]) e [[Luís Inácio Lula da Silva|Lula]],<ref name="Critica"/> e a [[condução coercitiva]] do ex-presidente Lula.<ref>{{citar web|url=http://exame.abril.com.br/brasil/por-que-moro-e-lava-jato-nao-sao-unanimidade-entre-juristas/|título=Por que Moro e Lava Jato não são unanimidade entre juristas|editor=[[Exame (Brasil)]]|autor=Talita Abrantes, Raphael Martins|data=22 de março de 2016|acessodata=06 de janeiro de 2017}}</ref> Segundo o ministro Gilmar Mendes, "o fato de criticar a Lava Jato são opiniões(...). Há doutrinadores, há advogados que também criticam. Isso, por si só, não é crime".<ref>{{citar web|url=http://epocanegocios.globo.com/Brasil/noticia/2016/06/gilmar-mendes-diz-que-criticar-lava-jato-e-opiniao-nao-crime.html|título=Gilmar Mendes diz que criticar a Lava Jato é 'opinião', não crime|editor=[[Época (revista)]]|autor=Estadão Conteúdo|data=10 de junho de 2016|acessodata=06 de janeiro de 2017}}</ref>
 
== Impunidade ==
27 168

edições