Diferenças entre edições de "São Miguel do Iguaçu"

2 519 bytes removidos ,  17h46min de 8 de janeiro de 2017
VDA inserido em 17h41min de 24 de dezembro de 2011‎ BárbaraK.P. (discussão | contribs | bloquear
(VDA inserido em 17h41min de 24 de dezembro de 2011‎ BárbaraK.P. (discussão | contribs | bloquear)
{{Ver desambig|outras cidades com este nome|São Miguel (desambiguação)}}
{{Ver desambig|outras cidades com este nome|Iguaçu}}
 
{{Info/Município do Brasil
<!-- GeoID=4125704 -->
| fundação = {{dtlink|28|11|1961|idade}}
| gentílico = sãomiguelense
|prefeito = Claudiomiro da Costa Dutra <ref>{{citar web|url=http://www.eleicoes2012.info/claudio-dutra-pr-22/|título=Eleições 2012 - São Miguel do Iguaçu / PR|autor=|data=|publicado=|acessodata=8 de fevereiro de 2013}}</ref>
|partido = [[Partido da República|PR]]
|fim_mandato = 2020<!-- INSERIR SOMENTE O ANO FINAL DO MANDATO, SEM COLCHETES ([[ANO]]) - SEM RESPEITAR ESTAS REGRAS A LINHA É INÓCUA -->
|fim_mandato = 2016
|
<!-- Localização -->
| mapa = Parana Municip SaoMigueldoIguacu.svg
| data_pib_per_capita = [[IBGE]]/[[2008]]<ref name="IBGE_PIB"/>
}}
'''São Miguel do Iguaçu''' é um [[município]] [[brasil]]eiro do [[estados do Brasil|estado]] do [[Paraná]]. Sua população estimada em 1º de julho de 2010 éera de 26.570 habitantes.
 
<!-- seção História removido por VDA. Não copie nada para a Wikipédia, não é permitido. Mesmo de sites oficiais! Leia: Wikipedia:Coisas a não fazer! Não apague este aviso! -->
'''São Miguel do Iguaçu''' é um [[município]] [[brasil]]eiro do [[estados do Brasil|estado]] do [[Paraná]]. Sua população estimada em 1º de julho de 2010 é de 26.570 habitantes.
 
'''História da cidade'''
A região de Foz do Iguaçu foi descoberta em 1542, através da expedição colonizadora de Alvarez Nuñez Cabeza de Vaca, capitão espanhol, que juntamente com toda a sua expedição foi guiado por índios guaranis. A expedição partiu do litoral de Santa Catarina em direção a Assunção, atravessando todo o Estado do Paraná no sentido leste-oeste até as encostas do rio Paraná, tendo então se deparado com as Cataratas do Iguaçu, na oportunidade batizadas como Cachoeira de Santa Maria.
Assim, o que se deduz é que a colonização da região deu-se em duas etapas distintas. A primeira delas teve início em 1888 e foi marcada pela instalação da Colônia Militar do Iguaçu, o primeiro e mais representativo ato que caracterizou a presença do mundo civilizado. Além de marcar o território que era acirradamente disputado por portugueses e espanhóis, a missão da colônia, fundada então pelos espanhóis, era tomar posse da região e conter o avanço dos portugueses.
A segunda etapa da colonização começou somente em 14 de março de 1914, quando foi criado o município do Iguassu, instalado em 10 de junho daquele mesmo ano. A partir daí começaram a chegar os colonizadores, principalmente imigrantes europeus, na sua maioria alemães e italianos, que asseguravam sua fonte de renda através da produção de erva-mate e do corte de madeira, as duas principais atividades econômicas da época. Ao sair de suas regiões em busca de uma vida melhor para si e seus filhos, o caminho percorrido por esses pioneiros chegava sempre em Foz do Iguaçu.
As primeiras observações sobre a história do município perderam-se no tempo e na imperfeição dos registros históricos específicos. Os primórdios do "interesse histórico", se é que se pode assim denominar o registro da chegada dos primeiros colonizadores, datam da década de 40. O que se sabe é que no início, argentinos e paraguaios exploravam a madeira de lei, igualando as condições de exploração como a de qualquer outra região do Oeste do Paraná anteriores à colonização.
Porém, se compararmos o início da exploração portuguesa e espanhola na região (1531), com o início da colonização do município, vamos concluir que este está em recente processo de ocupação. Nos registros encontrados, consta que na década de 40, quando as terras desta região pertenciam ao município de Foz do Iguaçu, uma empresa inglesa comandava a exploração de madeira, utilizando mão-de-obra argentina e paraguaia. A madeira mais valiosa era o cedro, encontrado em abundância na região.
 
== Ver também ==