Abrir menu principal

Alterações

16 bytes adicionados ,  23h37min de 30 de janeiro de 2017
céu
Em ausência de atmosfera o céu mostra-se negro, e nele destacam-se nitidamente as estrelas e demais astros. Em presença de atmosfera, durante o dia, o céu terrestre mostra-se azulado, e a dispersão da luz estabelece intensidade média de luz que normalmente ofusca os demais astros celestes à exceção do sol e da lua, não sendo aqueles visíveis no céu durante o dia, portanto. O céu noturno assemelha-se bem ao que espera-se encontrar nos casos onde há ausência de atmosfera.
 
Nuvens e outros elementos climáticos também afetam, o, céu, determinandod,et,er,min,ando por vezes belos panoramas. As [[aurora]]s constituem outro exemplo entre os fenômeno atmosférico que podem influenciar diretamente o céu, não obstante fazendo-o de forma a embelezá-lo.
 
Céu refere-se também ao [[espaço]] de dimensões não diretamente comensuráveis via [[sentido]]s - e por tal suposto em senso comum infinito - onde encontram-se ou movem-se os demais [[astro]]s e [[estrela]]s do [[Universo]].
== Definição e composição de cééc ==
[[Ficheiro:Turbulent skies.jpg|thumb|200px|left|Céu turbulento]]
O céu envia-nos cerca de 10% da luz do [[Sol]] durante o dia. O seu brilho deve-se à difusão da luz do Sol pelas moléculas na atmosfera. Quando olhamos para o céu, estamos a ver apenas os raios de Sol que foram desviados pelas moléculas da atmosfera de tal modo que ficam exactamente direccionados para os nossos olhos.
5

edições