Abrir menu principal

Alterações

5 161 bytes adicionados ,  03h10min de 31 de janeiro de 2017
sem resumo de edição
<center>Ver texto
}}
'''Verbenaceae''' é o maior grupo das [[Angiospermas]]. São catalogados 34 gêneros e 1.035 espécies<ref>{{Citar web|url=http://www.theplantlist.org/1.1/browse/A/Verbenaceae/|titulo=Verbenaceae — The Plant List|acessodata=2017-01-31|obra=www.theplantlist.org|lingua=en}}</ref>.  O Brasil reúne a maior riqueza da família, com 16 gêneros e 279 espécies, sendo 181 endêmicas<ref name=":0">{{Citar web|url=http://floradobrasil.jbrj.gov.br/reflora/listaBrasil/ConsultaPublicaUC/BemVindoConsultaPublicaConsultar.do?invalidatePageControlCounter=1&idsFilhosAlgas=%5B2%5D&idsFilhosFungos=%5B1,11,10%5D&lingua=&grupo=5&familia=246&genero=&especie=&autor=&nomeVernaculo=&nomeCompleto=&formaVida=null&substrato=null&ocorreBrasil=QUALQUER&ocorrencia=OCORRE&endemismo=TODOS&origem=TODOS&regiao=QUALQUER&estado=QUALQUER&ilhaOceanica=32767&domFitogeograficos=QUALQUER&bacia=QUALQUER&vegetacao=TODOS&mostrarAte=SUBESP_VAR&opcoesBusca=TODOS_OS_NOMES&loginUsuario=Visitante&senhaUsuario=&contexto=consulta-publica|titulo=Lista de Espécies da Flora do Brasil|acessodata=2017-01-31|obra=floradobrasil.jbrj.gov.br|lingua=pt-BR}}</ref>.{{Wikispecies|Verbenaceae}}
{{Wikispecies|Verbenaceae}}
 
'''Verbenaceae''' ou '''verbenáceas''' é uma ampla família de plantas, principalmente [[tropical|tropicais]], de árvores, arbustos e ervas que apresenta aproximadamente 34 [[Género (biologia)|gênero]]s e 1.175 [[espécie]]s. Muitos membros desta família são famosos devido às suas flores pequenas.
== Hábitos ==
Podem ser trepadeiras, lianas, arbustos ou árvores. Há ocorrência de herbáceas anuais<ref name=":1">{{citar livro|titulo=Sistemática vegetal: um enfoque filogenético|ultimo=Judd|primeiro=W. S.|ultimo2=Kellogg|ultimo3=Stevens|ultimo4=Donoghue|editora=Artmed|ano=2009|local=Porto Alegre|paginas=|acessodata=}}</ref>. Habitam quase todas as regiões dos trópicos e do clima temperado quente<ref name=":1" />.
 
== Filotaxia ==
O caule geralmente é quadrado em sua secção transversal e podem ter [[acúleos]] ou espinhos; muitas apresentam [[iridóides]]. Há presença de pêlos simples, glandulares, com óleos aromáticos (incluindo [[terpenóides]]) e de não-glandulares; geralmente unicelulares, às vezes calcificados ou silicificados.As folhas apresentam-se opostas ou verticiladas, simples, podem ser lobadas, inteiras ou serreadas, com venação peninérvea; sem estípulas. As [[inflorescências]] são indeterminadas, formando racemos, espigas ou glomérulos, terminais ou axilares.As flores são bissexuais bilaterais com 5 sépalas conatas, o cálice varia do tubuloso ao campanulado, persistente, e pode expandir-se no fruto. Ocorre protandria, o que possibilita a fecundação cruzada. Possuem 2 pétalas (algumas vezes parece 4 devido à fusão do par superior), também conatas, e com a corola bilabiada, com lobos imbricados. Estão presentes 4 estames didínamos; os filetes são adnatos à corola, os grãos de pólen geralmente tricolpados, com a exina mais espessa próximo das aberturas. Os 2 carpelos são conatos. O ovário é súpero, sem lobos a +- 4-lobado, 2-locular, mas parecendo 4-locular devido ao desenvolvimento de falsos septos. As vezes tem 1 carpelo suprimido e o ovário parecendo 2-locular, com placentação axial; O estilete terminal não é dividido no ápice; e o estigma geralmente é 2-lobado, visível, com tecido receptivo bem desenvolvido. Cada carpelo dispõe de 2 óvulos  (isto é, 1 em cada lóculo aparente), marginalmente inseridos (diretamente na margem dos falsos septos), com 1 tegumento e megasporângio de parede fina. Possui disco nectarífero. A fruta é do tipo drupa com 2 ou 4 caroços (único e 2-lobado em Lantana) ou esquizocarpo dividindo-se em 2-4 núculas; não há endosperma.Fórmula floral X,K 5, C 2+3, A2+2,G2;drupa, 4 núculas.<ref name=":1" />
 
== Relações filogenéticas ==
Com base em caracteres morfológicos e sequências de rbcL este é considerado um grupo monofilético. As Verbenaceae são distinguíveis das Lamiaceae por disporem racemos indeterminados, espigas ou glomérulos; óvulos localizados nas extremidades dos falsos septos; estilete simples com estigma bilobado;  exina do pólen mais espessa perto das aberturas e pêlos não-glandulares. As flores geralmente são menos bilabiadas e o estilete em Verbeneceae é exclusivamente terminal, enquanto em Lamiaceae varia de terminal a ginobásico.<ref>{{Citar web|url=http://www.mobot.org/MOBOT/Research/APweb/|titulo=Angiosperm Phylogeny Website|acessodata=2017-01-31|obra=www.mobot.org}}</ref>
 
== Ocorrência no brasil ==
.As espécies estão amplamente distribuídas, aparecendo em vegetações do tipo Campo Rupestre, Cerrado (latu sensu) e Floresta Ombrófila (Floresta Pluvial), também presentes em diversos domínios fitogeográficos, como: [[Área Antrópica]], [[Caatinga (stricto sensu)]], [[Campinarana]], [[Campo de Altitude]], [[Campo de Várzea]], [[Campo Limpo]], [[Campo Rupestre]], [[Carrasco]], [[Cerrado (lato sensu)]], [[Floresta Ciliar ou Galeria]], [[Floresta de Igapó]], [[Floresta de Terra Firme]], [[Floresta de Várzea]], [[Floresta Estacional Decidual]], [[Floresta Estacional Semidecidual]], [[Floresta Ombrófila (= Floresta Pluvial)]], [[Floresta Ombrófila Mista]], [[Palmeiral]], [[Restinga]], [[Savana Amazônica]].<ref name=":0" />
 
Os gêneros mais representativos na flora brasileira são Lippia L., com 81 espécies, sendo 59 endêmicas, e Stachytarpheta Vahl, representado por 81 espécies, 75 endêmicas, ambos com maior riqueza nos cerrados e campos rupestres do Planalto Central e Cadeia do Espinhaço. Lantana L. está representado por 22 espécies na flora brasileira, das quais 12 são endêmicas.<ref>{{citar web|url=http://www.scielo.br/pdf/rod/v66n1/2175-7860-rod-66-01-0191.pdf|titulo=Notas taxonômicas em Verbenaceae do Brasil|data=2015|acessodata=30/01/2017|obra=|publicado=Scielo|ultimo=Salimena|primeiro=F. R.|ultimo2=Múlgura|primeiro2=M.}}</ref>
 
,
 
== Gêneros ==
''[[* Acantholippia]]'';
''* [[Aloysia]]'';
''[[* Baillonia]]'';
''[[* Bouchea]]'';
''[[* Casselia]]'';
* Castorea
''[[Castelia]]'';
''[[* Chascanum]]'';
''* [[Citharexylum]]'';
''[[* Coelocarpum]]'';
* Dipyrena
''[[Diostea]]'';
''* [[DipyrenaDuranta]]'';
* Glandularia
''[[Duranta]]'';
* Hierobotana
''[[Glandularia]]'';
* Junellia
''[[Hierobotana]]'';
* Lampayo
''[[Junellia]]'';
''* [[LampayaLantana]]'';
''* [[LantanaLippia]]'';
* Mulguraea
''[[Lippia]]'';
''[[* Nashia]]'';
''[[* Neosparton]]'';
* [[Obetia|Obletia]]
''[[Parodianthus]]'';
* Parodianthus
''[[Petrea]]'';
* [[Petrea]]
''[[Phyla (gênero)|Phyla]]'';
* [[Phylactolaemata|Phyla]]
''[[Priva]]'';
* Pitraea
''[[Recordia]]'';
* Plexipus
''[[Rehdera]]'';
* Priva
''[[Rhaphithamnus]];
* Recordia
''[[Stachytarpheta]]'';
* [[Rehderodendron|Rehdera]]
''[[Stylodon]]'';
* [[Rhaphithamnus]]
''[[Tamonea]]'';
* [[Stachytarpheta]]
''[[Urbania]]'';
* Tamonea
''[[Verbena]]'';
* Urbania
''[[Verbenoxylum]]'';
* Valerianoides
''[[Xeroaloysia]]'';
* Verbena
''[[Xolocotzia]]'';
* Verbenoxylum
* Xeroaloysia
* Xolocotzia
 
== {{Ver também}} ==
5

edições