Diferenças entre edições de "Floema"

439 bytes adicionados ,  14h57min de 23 de fevereiro de 2017
m
Alguns conceitos e difereças do floema e de suas células
(bot: revertidas edições de 200.139.21.10 ( modificação suspeita : -24), para a edição 46432332 de Dbastro)
m (Alguns conceitos e difereças do floema e de suas células)
Em [[botânica]], o '''floema''' é o [[tecido (histologia)|tecido]] das [[plantas vasculares]] encarregado de levar a [[produtos fotoassimilados (ou comumente chamados em conjunto de seiva]] elaborada) pelo [[caule]] até à [[raiz]] e aos [[órgão (anatomia)|órgão]]s de reserva.
 
Os produtos transportados pelo floema são substâncias inorgânicas e orgânicas, como água, lipídios e carboidratos, são transportados desde os órgãos da planta com capacidade [[fotossíntese|fotossintética]] (ou produtores) como folhas maduras, até aos outros órgãos que funcionam como consumidores dessas substâncias para a formação de de novos órgãos ou para reserva, nomeadamente, os meristemas, as células do interior do caule, da raiz, das [[flor]]es, dos [[fruto]]s e dos órgãos de reserva - que podem estar dispersos dentro do caule e da raiz, mas que podem estar especializados, como os [[tubérculo]]s e [[rizoma]]s.
A seiva elaborada, que é uma solução aquosa de substâncias orgânicas, é transportada através do floema desde os órgãos da planta com capacidade [[fotossíntese|fotossintética]] até aos outros órgãos que
e funcionam como consumidores dessas substâncias, nomeadamente, os meristemas, as células do interior do caule, da raiz, das [[flor]]es, dos [[fruto]]s e dos órgãos de reserva - que podem estar dispersos dentro do caule e da raiz, mas que podem estar especializados, como os [[tubérculo]]s e [[rizoma]]s.
 
Nas [[árvore]]s e outras plantas com [[crescimento]] secundário, o floema é parte do [[córtex (botânica)|córtex]] ou "casca primária" e o termo ''floema'' deriva da palavra [[Língua grega|grega]] para "[[casca]]".
 
== Ocorrência ==
OcorreO floema está presente praticamente em quasetoda fase da vida da planta, tanto estrutura primária em que a planta ainda está em sua forma jovem, quanto em estrutura secundária na qual os órgãos adquirem uma certa resistência. Ocorre em todas as partes da planta: caule, raiz, folha, partes florais etc.
 
ONormalmente, floema normalmente vem mais externamente do quedurante o [[xilema]]. Mas acontece que, em raízes de crescimento primário (em altura), o floema e o xilema se alternam - isto acontece devido à desorganização dos órgãos das plantas. Já emdurante raízes deo crescimento secundário (espessura), o floema fica mais externamente e o xilema mais internamente. Acontece o inverso emEm alguns casos de famílias de [[dicotiledônea]]s, ocomo xilemaApocynaceae, paraAsteraceae, foraCurcubitaceae, eapresentam um floema maisadicional parainterno dentroao xilema, chamado de ''floema incluso, interno ou intraxilemático,'', devido ao crescimento em excesso de algum órgão em espessura. Em órgãos como folhas, a posição do floema é dorsal.
 
Nas [[árvore]]s e outrasEm plantas com [[crescimento]] secundário, o floema é parte do [[córtex (botânica)|córtex]] ou "casca primária" e o termo ''floema'' deriva da palavra [[Língua grega|grega]] para "[[casca]]".
O floema normalmente vem mais externamente do que o [[xilema]]. Mas acontece que, em raízes de crescimento primário (em altura), o floema e o xilema se alternam - isto acontece devido à desorganização dos órgãos das plantas. Já em raízes de crescimento secundário (espessura), o floema fica mais externamente e o xilema mais internamente. Acontece o inverso em alguns casos de famílias de [[dicotiledônea]]s, o xilema para fora e floema mais para dentro, chamado de ''floema incluso'', devido ao crescimento em excesso de algum órgão em espessura.
 
== Células do floema ==
O floema é formado por [[célula]]s alongadas, cilíndricas, formadasprovenientes pelode [[meristema]]células apicaldo (nas extremidades doprocâmbio [[caule]]quando ouestão dosem [[ramocrescimento (botânica)|ramos]])primário, ou pelo [[câmbio vascular]] que forma o '''floema secundário''' da sua porção externa.
 
O floema é constituído por quatro tipos celulares básicos:
===Elementos de Tubo crivado ===
===Células crivosas===
As '''células crivosas''' ouOs [[elemento de tubo crivado|elementos de tubo crivado]] são células vivas (quase sem [[organelo]]s), colocadas topo a topo, formando os '''tubos crivosos'''. As suas paredes celulares transversais denominam-se '''placas crivosas''', cujosque fazem as conexões entre as células e através das aberturas chamadas microporoscrivos estabelecem a ligação entre o citoplasma de células adjacentes.
 
Cada microporocrivo é revestido de '''calose''' (polímero de glicose), que no Invernoinverno pode obstruir completamente o vaso, dissolvendo-se depois na primavera. Quando ocorrem infecções ou o vaso é parasitado, também pode ser obstruído com calose.
 
===Células de companhia===