Abrir menu principal

Alterações

22 bytes removidos ,  19h04min de 9 de março de 2017
m
remover vandalismos
 
É sede de um [[município]] com {{fmtn|234.52|km²}} ar a<ref>{{citar web |autor= Instituto Geográfico Português |ano= 2013 |título= Áreas das freguesias, municípios e distritos/ilhas da CAOP 2013 |url= http://www.dgterritorio.pt/ficheiros/cadastro/caop/caop_download/caop_2013_0/areasfregmundistcaop2013_2 |obra= Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), versão 2013 |publicado= Direção-Geral do Território |formato= XLS-ZIP |acessadoem= 28/11/2013}}</ref> e {{fmtn|20855}} habitantes (2011),<ref>{{citar livro |autor= INE |ano= 2012 |título= Censos 2011 Resultados Definitivos – Região Centro |isbn= 978-989-25-0184-0 |issn= 0872-6493 |local= Lisboa |editora= Instituto Nacional de Estatística |página= 101 |url= http://www.ine.pt/ngt_server/attachfileu.jsp?look_parentBoui=379490&att_display=n&att_download=y |acessodata= 27/07/2013}}</ref><ref>{{citar web |autor= INE |ano= 2012 |título= Quadros de apuramento por freguesia |url= http://www.ine.pt/investigadores/Quadros/Q101.zip |obra= Censos 2011 (resultados definitivos) |publicado= Instituto Nacional de Estatística |formato= XLSX-ZIP |notas= Tabelas anexas à publicação oficial; informação no separador "Q101_CENTRO" |acessadoem= 27/07/2013}}</ref> subdividido em 16 [[freguesia]]s.<ref>[http://dre.pt/pdf1s/2013/01/01901/0000200147.pdf Lei n.º 11-A/2013, de 28 de janeiro: Reorganização administrativa do território das freguesias]. Anexo I. ''Diário da República'', 1.ª Série, n.º 19, Suplemento, de 28/01/2013.</ref> O município é limitado a norte pelo município de [[Nelas]], a leste por [[Seia]], a sul por [[Arganil]], a oeste por [[Tábua]] e a noroeste por [[Carregal do Sal]].
 
Oliveira é fixe!!!
 
== História ==
A região onde se encontra hoje o concelho de Oliveira do Hospital é habitada desde a pré-história, uma vez que abundam pelo concelho vestígios megalíticos (nomeadamente nas freguesias de Bobadela, Ervedal da Beira e Seixo da Beira). I
 
Na década de 70 de século XX foram descobertas as provas daquilo que se suspeitava há muito: os Romanos também colonizaram a zona, uma vez que se descobriu na freguesia de Bobadela um anfiteatro romano.