Abrir menu principal

Alterações

722 bytes removidos, 17h55min de 12 de março de 2017
sem resumo de edição
À água nativa ou de nascente também se dá o nome de '''água de pé'''.<ref name="Antonio Maria do Couto">{{cite book|author=Antonio Maria do Couto|title=Diccionário da maior parte dos termos homónymos, e equívocos da lingua portugueza augmentado com huma grande cópia de vocábulos téchnicos, e sua etymología, e enriqueçido com muitos adágios da lingua, e trechos de história, critica, e antiguidades|url=http://books.google.com/books?id=IwcoAAAAYAAJ&pg=PA294|year=1842|publisher=A.J. da Rocha |isbn=|pages=294}}</ref>tambem pode ser o beco de um rio por exemplo rio sao francisco
{{mais notas|data=dezembro de 2015}}
[[Imagem:Nascente_do_Tiete.jpg|thumb|250px|Nascente do [[rio Tietê]], em [[Salesópolis]]. A água brota sob as pedras.]]
Uma '''nascente''', '''cabeceira''', '''olho-d'água''', '''exsurgência''', '''mina de água''' ou '''fonte''' é o local onde se inicia um [[curso de água]] ([[rio]], [[Ribeiro|ribeira]], [[ribeiro]], [[ribeirão]], [[córrego]]), seja grande ou pequeno.<ref>FERREIRA, A. B. H. ''Novo dicionário da língua portuguesa''. 2ª edição. Rio de Janeiro. Nova Fronteira. 1986. p. 797.</ref>
 
À água nativa ou de nascente também se dá o nome de '''água de pé'''.<ref name="Antonio Maria do Couto">{{cite book|author=Antonio Maria do Couto|title=Diccionário da maior parte dos termos homónymos, e equívocos da lingua portugueza augmentado com huma grande cópia de vocábulos téchnicos, e sua etymología, e enriqueçido com muitos adágios da lingua, e trechos de história, critica, e antiguidades|url=http://books.google.com/books?id=IwcoAAAAYAAJ&pg=PA294|year=1842|publisher=A.J. da Rocha |isbn=|pages=294}}</ref>
 
== Descrição ==
Utilizador anónimo