Diferenças entre edições de "Cyrano de Bergerac"

104 bytes removidos ,  16h00min de 17 de março de 2017
hgjh
(Fix isbn com erros utilizando AWB)
(hgjh)
==Biografia==
[[File:Cyrano de Bergerac.jpg|thumb|left|Cyrano de Bergerac numa gravura do século XVII]]
Cyrano de Bergerac — nascido Savinien de Cyrano — nasceu em uma família parisiense, e passou a infância em [[Saint-Forget]] (atualmente [[Yvelines]]). Estudou e viveu em Paris, enquanto não estava em campanha militar. Ele não era, portanto, um [[Gasconha|gascão]]. Somente em 1638 adiciona “de Bergerac” a seu nome, inspirado nas terras que sua família teria possuído. Seu pai era o Senhor de Mauvières e de Saint-Laurent, e como o antigo nome de Mauvières era Bergerac, da antiga família gasconha<ref>Em francês a palavra ''gasconade'' pode ser traduzida como ''fanfarronice'', ''exagero''. Na literatura popular da França o estereótipo do herói gascão, habitante da Gasconha, corresponde a um tipo fanfarrão</ref>, que havia sido proprietária da região nos séculos XV e XVI, quando deixou a casa paterna e foi para Paris, adotou o nome Bergerac. Muitos de seus soldados eram gascões, e ele adquiriu muitos de seus costumes, daí o mito de sua origem gasconha.
 
Contemporâneo de [[Boileau]] e [[Molière]], poeta e livre-pensador, assinava suas obras com pseudônimos criativos escolhidos aleatoriamente. Foi um escritor de sucesso em sua época, e sua primeira obra foi “''Le pedant Joué''” (''O pedante enganado''), que foi escrita para ridicularizar Jean Grangier, então seu professor de retórica.
Utilizador anónimo