Diferenças entre edições de "Maria Luísa de França"

1 788 bytes adicionados ,  16h49min de 10 de junho de 2017
sem resumo de edição
(agora retiro minha marcação.)
}}
'''Maria Luísa de França'''<ref>Achaintre, Nicolas Louis, ''Histoire généalogique et chronologique de la maison royale de Bourbon'', Vol. 2, (Publisher Mansut Fils, 4 Rue de l'École de Médecine, Paris, 1825), p. 154.</ref><ref>American Historical Association, ''The American historical review'', Volume 10, The Macmillan Company, 1905, 707.</ref><ref>Pajol, Charles Pierre Victor, ''Les guerres sous Louis XV'', Vol. 2, (Imprimeurs de L'Institut, Rue Jacob, Paris, 1883), 7: ''.. à Louise-Elisabeth de France, fille de Louis XV, née le 14 aout 1727, morte le 6 décembre 1759..''.</ref> (em [[Língua francesa|francês]]: ''Marie Louise''; [[Versalhes]], {{dni|28|7|1728|si|lang=pt}} — Versalhes, {{morte|19|2|1733|lang=pt}}) foi a terceira filha do rei [[Luís XV de França]] e da sua esposa, [[Maria Leszczyńska]], era irmã mais nova das princesas [[Luísa Isabel de França|Luísa Isabel]] e [[Henriqueta Ana de França|Henriqueta Ana]]. Como filha do rei francês, era titulada [[filha da França]] (em [[Língua francesa|francês]]: ''Fille de France'').<ref>Campbell Orr, C. (ed.) ''Queenship in Europe 1660-1815: the role of the consort''. Cambridge: Cambridge University Press, 2004, pp. 166, 171.</ref><ref>Hyde, M. and Milam, J. (eds.) ''Women, art and the politics of identity in eighteenth-century Europe''. Aldershot: Ashgate, 2003, pp. 130, 132, 306.</ref>
 
== Biografia ==
Nascida no [[Palácio de Versalhes]], Maria Luísa era terceira filha dos dez filhos do rei [[Luís XV de França]] e da rainha [[Maria Leszczyńska]], Maria Luísa era conhecida como ''Madame Troisième'' (título da realeza francesa para distinguir as filhas do rei) até o seu batismo algumas semanas antes de sua morte.
 
Seu nascimento não foi recebido com muito entusiasmo devido ao facto de ter nascida uma menina. Seu pai, o rei Luís XV esperava que a rainha tivesse um filho, para que assim os reis de França tivesse um herdeiro no trono. Quando ficou claro que uma menina nasceu, as celebrações antecipadas para o esperado [[delfim de França]] foram canceladas e Madame Troisième só teve uma missa cantada na Capela de Versalhes em sua homenagem.
 
Maria Luísa cresceu em Versalhes com suas irmãs mais velhas [[Luísa Isabel de França|Luísa Isabel]] e [[Henriqueta Ana de França|Henriqueta Ana]]; Em 1729, nasceu o tão esperado delfim de França, que foi baptizado de [[Luís, Delfim da França (1729-1765)|Luís Fernando]].
 
A família real foi novamente acompanhada por outro filho em 1730, Filipe de França, duque de Anjou. No inverno de 1733, Madame Troisième pegou um resfriado; Ocorreu uma epidemia em Versalhes ao mesmo tempo; Maria Luísa ficou sob os cuidados do médico Gascon Monsieur Bouillac; O médico lhe aplicou eméticos e fez por várias vezes o método de sangria. Madame Troisième foi batizada rapidamente em Versalhes (uma princesa francesa só poderia ser baptizada se ela tivesse mais de sete anos de idade) e deu-lhe os nomes de seus pais, Maria e a forma feminina de Luís, "Luísa". Morreu em Versalhes e foi enterrada na [[Basílica de Saint-Denis]] na comuna de [[Saint-Denis (Seine-Saint-Denis)|Seine-Saint-Denis]].
 
{{Referências}}
Utilizador anónimo