Abrir menu principal

Alterações

4 bytes adicionados ,  22h55min de 15 de junho de 2017
sem resumo de edição
Os [[hatitas]] (ou ''hatti'') foram um povo que habitou o centro da Anatólia cerca de {{AC|2300|nl}}, senão antes. Os [[hititas]] estabeleceram-se na Anatólia e gradualmente absorveram os hatitas, cerca de {{AC|2000-1700|nl}},<ref name=tbryce /><ref name=cburney /> fundando primeiro grande império da área, que existiu entre os {{séc|XVIII}} e {{AC|XIII|nl}}, rivalizando em poder com o [[Antigo Egito]].<ref name=rg674 />
 
O assentamento [[calcolítico]] de KanešCaneche (ou Kanesh ou NešaNecha em hitita), situada junto à atual aldeia de [[Kültepe]], perto de [[Kayseri]], habitado desde o {{AC|4º milénio|nl}}, tornou-se o primeiro entreposto comercial da história. No {{AC-séc|século XX|nl}} existiam no local duas localidades — a cidade hitita de KanešCaneche e a de KarumCarum, uma colónia assíria, onde florescia o comércio entre hititas e assírios.<ref name=rg674 /> Os [[Assíria|assírios]] colonizaram partes do que é hoje o sudeste o centro-leste da Turquia entre {{AC|1950|nl}} e {{AC|612|nl}}, ano em que os [[Caldeus]] conquistaram oda [[Império AssírioNeobabilônico|Babilônia]] daconquistaram o [[BabilóniaImpério Neoassírio]].<ref name=uakron /><ref name=aina />
 
[[Imagem:Hittite fruit cup detail.JPG|thumb|upright|Vaso cerâmico de fruta [[hititas|hitita]] do primeiro quarto do {{AC|2º milénio|nl}} encontrado em Kültepe. Do acervo do [[Museu das Civilizações da Anatólia]] (''Anadolu Medeniyetleri Müzesi''), em [[Ancara]].]]
 
Após o colapso do império hitita, os [[frígios]], outro povo indo-europeu, estabeleceu o [[Reino da Frígia]], o mais poderoso estado da região até que foi destruído pelos [[cimérios]] no {{AC-séc|século VII|nl}}<ref name=metmus1 /> Os estados mais poderosos dentre os sucessores da Frígia foram os reinos [[Reino da Lídia|da Lídia]], [[Reino da Cária|da Cária]] e [[Reino da Lícia|da Lícia]].<ref name=rg957 />
 
A partir de {{AC|1200|nl}}, as costas da Anatólia foram intensamente colonizadas por [[gregos]] [[eólios]] e [[Jônios|jónicos]], que fundaram inúmeras cidades importantes, como [[Mileto]], [[Éfeso]], [[Esmirna]] e [[Bizâncio]]. O primeiro estado estabelecido na Anatólia que foi chamado de Arménia pelos povos vizinhos, mencionado por [[Hecateu de Mileto]] e na [[inscrição de Behistun]], foi o da [[dinastia orôntida]], fundado no {{AC-séc|século VI|nl}}, durou até {{DC|72|nl}}.{{ntref2|enref}}<ref name=maltarm />
 
A Anatólia foi conquistada pelo [[Império Aquemênida|Império Aqueménida]] nos séculos&nbsp;VI e {{AC|VII|nl}} e posteriormente por [[Alexandre, o Grande]] em {{AC|334|nl}}<ref name=wsu1 /> Após a morte de Alexandre, a Anatólia foi dividida em pequenos reinos helenizados, nomeadamente [[Reino da Bitínia|Bitínia]], a [[Reino da Capadócia|Capadócia]], [[Reino de Pérgamo|Pérgamo]] e o [[Reino do Ponto|Ponto]]. Todos estes reinos tinham sido absorvidos pela [[República Romana]] em meados do {{DC+séc|século I|nl}}<ref name=metmus2 /> A [[Dinastia arsácida da Arménia|Arménia Arsácida]], o primeiro estado da história a adotar o [[Cristianismo]] como religião oficial, ocupava parte da Anatólia Oriental.<ref name=maltarm /><ref name=vilabol1 />
 
Em 324, o [[imperador romano]] [[Constantino I]] escolheu Bizâncio para capital do [[Império Romano]], rebatizando-a de Nova Roma (após a sua morte mudaria de nome para [[Constantinopla]] e atualmente chama-se [[Istambul]]). Constantinopla foi também a capital do Império Romano do Oriente, que existiu intermitentemente entre 286 e o {{séc|V}}, e que passaria a ser conhecido como [[Império Bizantino]], sobretudo depois da [[Queda do Império Romano]] do Ocidente, no final do {{séc|V}}.<ref name=uw1 />
 
==Primeiros reinos turcos e Império Otomano==