Abrir menu principal

Alterações

9 bytes adicionados ,  22h45min de 16 de junho de 2017
m
Desfeita(s) uma ou mais edições de 89.38.149.159, com Reversão e avisos
{{Sem-fontes|Brasil=sim|data=dezembro de 2015}}
{{Reciclagem|Brasil=sim|data=dezembro de 2015}}
A '''formação profissional''' ou '''educaçãoFormação profissional''' é o conjunto de atividades que visam a aquisição [[teoria|teórica]] e/ou prática de [[conhecimento]]s, [[habilidade]]s e [[atitude]]s exigidos para o exercício das funções próprias de uma [[profissão]]. A Formação profissional apresenta-se como um instrumento de gestão com uma dimensão estratégica: é a atividade facilitadora da mudança em sentido lato, que propicia uma melhor adequação dos Recursos Humanos aos novos recursos materiais existentes, através da sua qualificação e reconversão quando necessárias; permitindo assim uma maior flexibilidade das organizações para fazer face a um futuro difícil de prever.
 
== Aprendizagem e conhecimento: uma troca entre organizações e indivíduos ==
A educação profissional segundo a legislação brasileira se organiza nos seguintes cursos:
 
I – de formação inicial e continuada ou qualificação profissional;
 
II – de educação profissional técnica de nível médio, que pode ser subsequente ao ensino médio (para quem já concluiu oa ensinoeducação médiobásica); concomitante ao ensino médio (para quem já concluiu o ensino fundamental e está cursando o ensino médio); integrada ao ensino médio (em currículo único com esta etapa da educação básica), inclusive na modalidade [[Educação de jovens e adultos|EJA]];
 
III – de educação profissional tecnológica de graduação e pós-graduação.
 
Os jovens de 16 a 24 anos que estão matriculados em cursos de educação profissional no Brasil representam a penas 6%, segundo dados disponibilizados pela [[Confederação Nacional da Indústria]] (CNI). O número está abaixo da média registrada em outros países. Por exemplo, nas 34 nações mais desenvolvidas do mundo, o percentual é, em média, de 35%, segundo a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).<ref>{{Citar web|url=http://veja.abril.com.br/educacao/so-6-dos-jovens-brasileiros-fazem-curso-profissionalizante/|título=Pesquisa publicada na revista Veja|acessadoem=26 de agosto de 2016}}</ref> A educação profissional é uma das alternativas para os jovens aprenderem uma profissão e se qualificarem para o mercado de trabalho.  Apenas 11% dos adolescentes brasileiros entre 15 e 17 anos fazem educação profissional com a educação regular. A média nos países desenvolvidos é acima de 50%.<ref>{{Citar web|url=http://www.portaldaindustria.com.br/cni/imprensa/2016/11/1,102346/e-preciso-preparar-os-jovens-para-o-mundo-das-tecnologias-e-da-inovacao-diz-robson-braga-de-andrade.html|título=Confederação Nacional da Indústria|acessadoem=17 de novembro de 2016}}</ref> De acordo com a pesquisa “Os jovens, a educação e o ensino técnico, feita pelo [[Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial]] (SENAI)”, mais de 70% dos jovens brasileiros acreditam que cursos de educação profissional são importantes para conseguir o primeiro emprego.<ref>{{Citar web|url=http://g1.globo.com/educacao/especial-publicitario/senai/olimpiada-do-conhecimento/2016/noticia/2016/11/jovens-apostam-na-educacao-profissional-para-conseguir-primeiro-emprego.html|título=Pesquisa Os jovens, a educação e o ensino técnico, feita pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI)|acessadoem=17 de novembro de 2016}}</ref>
61 172

edições