Diferenças entre edições de "Gotemburgo"

25 bytes adicionados ,  07h51min de 22 de junho de 2017
O porto cresceu e expandiu até se tornar o principal porto na Suécia para trocas comerciais no Oeste do país. Com a massiva [[emigração]] de suecos para a [[América do Norte]], Gotemburgo tornou-se também o principal ponto de saída do país. Por esta razão, é possível encontrar cidades norte-americanas com nomes suecos, incluindo [[Gothenburg (Nebraska)|Gothenburg]] no [[Nebraska]] ([[Estados Unidos]]).
 
Gotemburgo desenvolveu-se como cidade [[indústria|industrial]] moderna no [[século XIX]], com o aparecimento de fábricas e indústrias em [[Gamlestaden (Gotemburgo)|Gamlestaden]], [[Gårda]] e [[Krokslätt]], e novos estaleiros em [[Lundby]], na ilha de [[Hisingen]], na década de 1870. A população aumentou dez vezes nesse período: de 13.000 (em [[1800]]) até 130.000 (em [[1900]]).<ref name=trottoarturism>{{Citar livro |sobrenome=Hansson |nome=Einar |coautor=Claes-G Svanteson (fotografia) |título=Göteborg till fots |subtítulo=Trottoarturism och stadssafaris med spårvagn, båt och buss |idioma=sueco |local=Styrsö |editora=Studio Styrsö |ano=2016 |páginas=176 |página=10-11|capítulo=Vår Göteborgshistoria |isbn=9789198337105 |acessodata= }}</ref>
 
No século XX, esta tendência expansiva continuou, com o estabelecimento de importantes indústrias, como a [[SKF]] (empresa de produtos de aplicação industrial, estabelecida em [[1907]]) e a [[Volvo]] (empresa fabricante de veículos comerciais, estabelecida em [[1927]]).<ref name=trottoarturism/>
46 608

edições