Abrir menu principal

Alterações

11 bytes removidos, 17h37min de 21 de julho de 2017
m
sem resumo de edição
{{mais-notas|data=março de 2013}}
{{Info/Conflito militar
| cores = background:#eeddbb;color:#2222cc
A '''Batalha das Pirâmides''' teve lugar a [[21 de Julho]] de [[1798]] entre o exército [[França|francês]] no [[Egito]] comandado por [[Napoleão Bonaparte]] e as forças locais [[mameluco|mamelucas]] e foi a batalha onde Napoleão usou a [[Quadrado de infantaria|formação em quadrados]].
 
Em Julho de 1798, Napoleão ia na direcção do [[Cairo]], depois de invadir e capturar [[Alexandria]]. Pelo caminho encontrou as forças dos [[mamelucos]] a 15 km das [[pirâmides]], e a apenas 6 do Cairo. Os mamelucos eram comandados por [[Murad Bey]] e [[Ibrahim Bey]] e tinham uma poderosa cavalaria.<ref name="juan cole" /> Os mamelucos, apesar de serem superiores em número, estavam equipados com uma tecnologia antiga, possuíam [[espadas]], arcos e flechas; ainda por cima, as suas forças ficaram divididas pelo [[Nilo]], com Murad entrincheirado em Embabeh e Ibrahim em campo aberto.
 
Napoleão deu conta de que a única tropa egípcia de grande valor era a cavalaria. Ele possuía pouca cavalaria a seu mando e era superado em número pelos mamelucos. Viu-se pois forçado a ir na defensiva, e formou o seu exército em quadrados com o suporte da [[artilharia]], cavalaria e equipas no centro de cada uma, dispersando assim o ataque da cavalaria mameluca com fogo de artilharia de apoio. Então atacou o acampamento egípcio de Embebeh, provocando a fuga do exército egípcio.