Abrir menu principal

Alterações

43 bytes adicionados ,  01h03min de 31 de julho de 2017
m
ajustando datas, traduzindo nome/parâmetro nas citações, outros ajustes usando script
 
== Vida ==
Vulfstano nasceu por volta de 1008 em [[Long Itchington]], no [[condado inglês]] de [[Warwickshire]].<ref name=Walsh631>Walsh ''A New Dictionary of Saints'' p. 631</ref>. Sua família perdeu suas terras na época que o rei [[Canuto, o Grande|Canuto da Inglaterra]] ascendeu ao trono.<ref name=Fleming41>Fleming ''Kings & Lords'' p. 41</ref>. Seu nome é, provavelmente, uma homenagem ao tio, Vulfstano II de Iorque. Por influência dele, conseguiu estudar nos mosteiros de [[Evesham, Worcestershire|Evesham]] e [[Peterborough]] antes de conseguir um posto de secretário em Worcester. Na época, seus superiores, valorizando sua reputação de dedicação e [[castidade]], incentivaram-no a se juntar ao clero. Vulfstano foi [[ordem (sacramento)|ordenado]] logo depois, em 1038, e entrou para um mosteiro [[beneditinos|beneditino]] em Worcester.
 
Vulfstano serviu como tesoureiro e [[prior]] em sua nova casa.<ref name=BHOWorc>[http://british-history.ac.uk/report.aspx?compid=33881 British History Online Bishops of Worcester] accessed on 3 November 2007</ref>. Quando [[Ealdred]], o bispo de Worcester e também [[arcebispo de Iorque]], teve que desistir de Worcester por ordem do papa [[Papa Nicolau II|Nicolau II]], Ealdred decidiu nomear Vulfstano em seu lugar, mas continuou a ser proprietário de diversas mansões na antiga diocese.<ref name=Williams150>Williams ''English and the Norman Conquest'' p. 150</ref>. Vulfstano foi consagrado em 8 de setembro de 1062<ref name=Handbook224>Fryde, et al. ''Handbook of British Chronology'' p. 224</ref> pelo próprio Ealdred, apesar de que teria sido mais apropriado se a cerimônia fosse conduzida pelo [[arcebispo de Cantuária]], em cuja [[província eclesiástica|província]] Worcester estava.<ref name=Williams150/>. Porém, Vulfstano deliberadamente evitou ser consagrado por [[Stigand]], que ocupava o posto, pois sabia que a consagração dele havia sido [[direito canônico|não canônica]], mas reconheceu que a sé de Worcester era [[:wikt:sufragâneo|sufragânea]] de Cantuária e jurou [[voto de obediência|obediência]] ao sucessor de Stingand, [[Lanfranco de Cantuária|Lanfranco]], e não a Ealdred.<ref>[[#Flanagan2005|Flanagan (2005)]], p. 904</ref>.
 
Vulfstano era confidente de [[Haroldo Godwinson]], que o ajudou a conseguir o cargo episcopal.<ref name=Fleming79>Fleming ''Kings & Lords'' p. 79</ref>.
 
Um reformista social, Vulfstano tentou diminuir a distância entre o antigo regime anglo-saxão e o novo, dominado pelos conquistadores [[normandos]], e aliviar o sofrimento dos pobres. Um feroz oponente do [[comércio de escravos]], foi, juntamente com Lanfranco, o principal responsável por exterminá-lo em [[Bristol]].<ref>Mason, Wulfstan</ref>.
 
Depois da [[conquista normanda da Inglaterra]], Vulfstano tornou-se o único bispo nascido na Inglaterra a manter sua diocese por algum tempo. Todos os demais foram substituídos por normandos entre 1066 e 1075. O próprio [[Guilherme, o Conquistador]], notou que o cuidado pastoral de sua diocese era o principal interesse de Vulfstano, o que pode ter sido o motivo de sua permanência.
Em 1072, Vulfstano assinou o [[Acordo de Winchester]]. Três anos depois, ele e a [[milícia]] de Worcestershire sufocaram a [[Revolta dos Condes|revolta]] conhecida como "O Nupcial de Norwich" de [[Raul de Guader]], [[conde de Norfolk]], [[Rogério de Breteuil (2º conde de Hereford)|Rogério de Breteuil]], [[conde de Hereford]], e o [[anglo-saxões|saxão]] [[Valteofo II (conde da Nortúmbria)|Valteofo]], [[conde da Nortúmbria]], contra o rei Guilherme.
 
Como bispo, ele geralmente ajudava os arcebispos de Iorque com consagrações, pois eles tinham poucos bispos sufragâneos. Em 1073, ajudou [[Tomás de Bayeux]] a consagrar Radulfo como [[bispo das Órcades]] e, em 1081, [[Guilherme de St-Calais]] como [[bispo de Durham]].<ref name=Williams150/>.
 
Depois de uma difícil enfermidade, Vulfstano faleceu em 20 de janeiro de 1095.<ref>William of Malmesbury, ''Saints' lives: Lives of SS. Wulfstan, Dunstan, Patrick, Benignus and Indract''. 2002. pp 141–3.</ref>. Logo depois, um altar foi dedicado a ele no Grande Priorado de Malvern, perto do de Cantilupe de Hereford e do [[Eduardo, o Confessor|rei Eduardo, o Confessor]].
 
== Influência ==
Logo depois de sua morte, uma ''"[[hagiografia|Vita]]"'' foi escrita em [[inglês antigo|inglês]] por seu ex-secretário, Colman. Ela foi traduzida para o [[latim]] pelo cronista medieval e historiador [[Guilherme de Malmesbury]].<ref name=Williams170>Williams ''English and the Norman Conquest'' p. 170</ref>. Vulfstano foi [[canonização|canonizado]] em 14 de maio de 1203 pelo [[papa Inocêncio III]]<ref name=BHOWorc/> e um dos [[milagre]]s atribuídos a ele foi a cura da filha do rei [[Haroldo Godwinson]].
 
Vulfstano foi o responsável pela compilação do segundo [[cartulário]] de Worcester, obra do monge de {{ilc|Hemingo||Hemming (monge)}}.<ref name=Williams145>Williams ''English and the Norman Conquest'' p. 145</ref>. Era ainda amigo íntimo de [[Roberto Losinga]], o [[bispo de Hereford]], conhecido [[matemática|matemático]] e [[astronomia|astrônomo]].<ref name=Williams149>Williams ''English and the Norman Conquest'' p. 149</ref>.
 
Na [[Páscoa]] de 1158, [[Henrique II da Inglaterra|Henrique II]] e [[Leonor da Aquitânia]] visitaram a [[Catedral de Worcester]] e depositaram suas coroas no santuário de Vulfstano, jurando jamais vesti-las novamente.
* Attwater, Donald and Catherine Rachel John. ''The Penguin Dictionary of Saints''. 3rd edition. New York: Penguin Books, 1993. ISBN 0-14-051312-4.
* [http://british-history.ac.uk/report.aspx?compid=33881 British History Online Bishops of Worcester] accessed on 3 November 2007
* {{cite bookcitar livro|author1autor1 =Fryde, E. B. |author2autor2 =Greenway, D. E. |author3autor3 =Porter, S. |author4autor4 =Roy, I. |titletítulo=Handbook of British Chronology|editionedição=Third revised |publisherpublicado=Cambridge University Press |locationlocal=Cambridge |yearano=1996 |isbn=0-521-56350-X }}
* {{citation |editor-lastsobrenome =Ó Cróinín |editor-firstnome =Dáibhí |titletítulo=Prehistoric and Early Ireland |volume=I |series=A New History of Ireland |lastúltimo =Flanagan|firstprimeiro =Marie Therese |contributioncontribuição=High-kings with opposition. 1072&ndash;1166 |pagespáginas=899&ndash;933|publisherpublicado=Oxford University Press |locationlocal=Oxford |yearano=2005 |isbn=978-0-19-922665-8 |ref=Flanagan2005}}
* {{cite bookcitar livro|titletítulo=Kings & Lords in Conquest England |lastúltimo =Fleming |firstprimeiro = Robin |yearano=2004 |editionedição=Reprint |publisherpublicado=Cambridge University Press |locationlocal=Cambridge |isbn=0-521-52694-9 }}
* {{cite encyclopediacitar enciclopédia|lastúltimo =Mason |firstprimeiro =Emma |titletítulo=Wulfstan (St Wulfstan) (c.1008–1095), bishop of Worcester |encyclopediaenciclopédia= Oxford Dictionary of National Biography |publisherpublicado= Oxford University Press |yearano=2004 |formatformato= {{ODNBsub}} |url=http://www.oxforddnb.com/view/article/30099?docPos=4|accessdateacessodata=25 Mayde maio de 2012 |doi= 10.1093/ref:odnb/30099 }}
* Walsh, Michael ''A New Dictionary of Saints: East and West'' London: Burns & Oates 2007 ISBN 0-86012-438-X
* [[Guilherme de Malmesbury]]. ''The Life of St Wulstan''
* {{cite bookcitar livro|authorautor =Williams, Ann |titletítulo=The English and the Norman Conquest |publisherpublicado=Boydell Press |locationlocal=Ipswich |yearano=2000 |isbn=0-85115-708-4 }}
{{Refend}}
 
210 076

edições