Diferenças entre edições de "Juninho Fonseca"

Sem alteração do tamanho ,  15h08min de 5 de agosto de 2017
 
== Carreira ==
Filho de Alcides Fonseca conhecido na cidade como Tio Nenê, diretor da Liga Olimpiense de Futebol, já falecido e de dona Zenaide Rugai Fonseca, conhecida como dona – Professora e diretora de Escolas, também já falecida. Juninho Fonseca começou na {{Futebol Ponte Preta}}, em seguida, foi para o {{Futebol Corinthians}}. Seguro, ganhou a simpatia da torcida corinthiana em um jogo contra o {{Futebol Flamengo}}, pelas quartas-de-final do [[Campeonato Brasileiro de 1984]], onde o Corinthians venceu por de 4 a 1, com gols de [[Biro-Biro]], [[Wladimir Rodrigues dos Santos|Wladimir]], Édson e Ataliba, enquanto Paulinho acabou fazendo um [[gol contra]] a favor do time carioca.
 
Segundo as informações do livro ''Almanaque do Corinthians'', Juninho Fonseca jogou 150 partidas, venceu 68, empatou 52 e perdeu 30 partidas. Marcou dois gols a favor e um gol contra. Depois de ter passado por Ponte Preta e Corinthians, acabou indo jogar no futebol japonês, aonde tempos depois decidiu voltar para o Brasil e encerrar sua carreira no {{Futebol Olímpia}}. Ainda jogou pela [[Seleção Brasileira de Futebol|Seleção Brasileira]] e participou da [[Copa do Mundo de 1982]], sendo reserva de [[José Oscar Bernardi|Oscar]].
Utilizador anónimo