Diferenças entre edições de "Modelo cliente–servidor"

354 bytes adicionados ,  18h24min de 15 de agosto de 2017
m
Foram revertidas as edições de 187.115.160.253 para a última revisão de Profvalente, de 20h58min de 6 de agosto de 2017 (UTC)
Etiqueta: Remoção considerável de conteúdo
m (Foram revertidas as edições de 187.115.160.253 para a última revisão de Profvalente, de 20h58min de 6 de agosto de 2017 (UTC))
O modelo cliente-servidor, tornou-se uma das ideias centrais de computação de rede. Muitos aplicativos de negócios, escritos hoje, utilizam o modelo cliente-servidor. O termo também tem sido utilizado para distinguir a [[computação distribuída]] por computadores dispersos da "computação" monolítica centralizada em [[mainframe]].
 
Cada instância de software do cliente pode enviar requisições a vários servidores. Por sua vez, os servidores podem aceitar esses pedidos, processá-los e retornar as informações solicitadas para o cliente. Embora este conceito possa ser aplicado por uma variedade de razões e para diversos tipos de aplicações, a arquitetura permanece fundamentalmente a mesma.
vhyvycvlclyclgcl
 
== Tipos ou Modelos de Client/Server ==
211 921

edições