Diferenças entre edições de "Cosme Damião"

13 bytes adicionados ,  15h29min de 25 de agosto de 2017
Correção ao nome do clube findado em 1904. "Sport Lisboa" não "Sport Lisboa e Benfica" que seria fundado em 1908.
("se procura"...)
(Correção ao nome do clube findado em 1904. "Sport Lisboa" não "Sport Lisboa e Benfica" que seria fundado em 1908.)
| treinadorjogos = {{0|00}}150
}}
'''Cosme Damião''' ([[Lisboa]], [[2 de novembro]] de [[1885]] - [[Sintra]], [[11 de junho]] de [[1947]]) foi fundador, jogador, técnico, dirigente, capitão geral e jornalista do [[Sport Lisboa e Benfica]]. Ex-aluno da [[Casa Pia]], foi um dos 24 fundadores do [[Sport Lisboa e Benfica|Sport Lisboa]], em 1904, na reunião da Farmácia Franco. Mas a ata da reunião, manuscrita por Cosme, não incluía o seu nome. Como jogador, foi médio centro de bons recursos técnicos. Estreou-se no jogo frente ao [[Carcavelos]], que o [[Benfica]] venceu por 4-1, no dia 17 de Janeiro de 1907. Quando completou 30 anos, optou por retirar-se, no particular com o Fortuna de Vigo (derrota por 2-0).
 
Como dirigente do [[Sport Lisboa e Benfica]], dedicou-se de corpo e alma ao projeto clubístico e ficou intimamente ligado à continuação da coletividade nos momentos mais críticos. Em 1907, a quando da primeira crise, que levou oito jogadores benfiquistas a saírem para o [[Sporting]], foi ele que assumiu a permanência do clube, relançando-o e construindo rapidamente um conjunto que, três anos depois, seria a primeira equipa portuguesa a vencer o Campeonato de Lisboa. Fomentou o [[ecletismo]], foi guarda-redes de [[hóquei em campo]], fixou as regras do [[hóquei em patins]] e arbitrou o primeiro desafio desta modalidade, em 1917. Foi o maior entusiasta da construção do Estádio das Amoreiras, inaugurado em 1925.
Utilizador anónimo