Diferenças entre edições de "Instituição financeira"

2 bytes removidos ,  19h26min de 29 de agosto de 2017
m
Revertidas edições de boa-fé por 2804:14D:1086:8252:9DD7:9CF9:3C09:341 discussão: Fica parecendo que estamos falando de uma insitui...
(Achei assim melhor e mais formal.)
m (Revertidas edições de boa-fé por 2804:14D:1086:8252:9DD7:9CF9:3C09:341 discussão: Fica parecendo que estamos falando de uma insitui...)
A '''Instituição financeira''' é uma [[organização]] cuja finalidade é otimizar a alocação de [[Capital financeiro|capitais financeiros]] próprios e/ou de terceiros, obedecendo uma co-relação de [[risco]], [[custo]] e [[prazo]]<ref>{{Link||2=http://teses.eps.ufsc.br/defesa/pdf/5151.pdf |3=Os produtos dos bancos}}</ref> que atenda aos [[objetivos]] dos seus [[patrocinador]]es (no sentido da palavra inglesa ''[[stakeholder]]''), incluindo [[pessoa fisica|pessoas físicas]] ou [[pessoa jurídica|jurídicas]] que tenham interesses em sua operação como [[acionista]]s, [[cliente]]s, colaboradores, [[Cooperativa|Cooperado]]s, [[fornecedor]]es, [[agência reguladora|agências reguladoras]] do [[mercado financeiro|mercado]] onde a organização opere.
 
A Instituição Financeira opera administrando um equilíbrio delicado entre [[moeda]]s, prazos e [[taxa]]s negociados para os capitais que capta ([[passivo]]s) e para os que aplica ([[ativo]]s) no mercado, respeitando os critérios e [[norma]]s estabelecidos pelas agências reguladoras/supervisoras de cada mercado onde atue.<ref>{{Link||2=http://teses.eps.ufsc.br/defesa/pdf/5151.pdf |3=O custo da inadimplência do produto bancário: Proposta de uma sistemática para apuração do processo de responsabilidade com a utilização do ABC}}</ref>
72 404

edições