Diferenças entre edições de "Teste nuclear norte-coreano de 2017"

2 bytes removidos ,  20h07min de 6 de setembro de 2017
Houveram enquanto conjugação do verbo Haver não existe pois o verbo haver é impessoal.
(Houveram enquanto conjugação do verbo Haver não existe pois o verbo haver é impessoal.)
Em 5 de setembro, o embaixador da Coreia do Norte na ONU Han Tae-Song declarou que as últimas atividades militares de seu país foram um "pacote de presentes" endereçados aos Estados Unidos, e que novos "pacotes" estariam por vir. No mesmo dia, Trump autorizou a venda de sofisticados equipamentos militares à Coreia do Sul e ao Japão, embora sem especificar quais seriam exatamente essas armas.<ref>{{Citar periódico|titulo=EUA vão receber mais 'pacotes de presente', diz Coreia do Norte|jornal=Folha de S.Paulo|url=http://www1.folha.uol.com.br/mundo/2017/09/1915966-eua-vao-receber-mais-pacotes-de-presente-diz-coreia-do-norte.shtml}}</ref> O [[Presidente da Rússia|presidente russo]] [[Vladimir Putin]] alertou que o uso de força militar contra a Coreia do Norte poderia resultar em uma catástrofe de proporção mundial, mas que aplicar novas sanções seria ineficaz. Da mesma forma, o governo chinês advertiu que apenas sanções não resolvem o grave problema, tampouco uma ação militar na região.<ref>{{Citar periódico|titulo=Coreia do Norte diz que enviará “mais presentes” aos EUA {{!}} VEJA.com|jornal=VEJA.com|url=http://veja.abril.com.br/mundo/coreia-do-norte-diz-que-enviara-mais-presentes-aos-eua/|idioma=pt-BR}}</ref> A ministra da defesa da França Florence Parly teme que Pyongyang consiga num curto espaço de tempo desenvolver mísseis capazes de atingir a [[Europa]].<ref>{{Citar periódico|titulo=Europa pode estar dentro do alcance de mísseis norte-coreanos em breve, diz França|jornal=Terra|url=https://www.terra.com.br/noticias/mundo/europa-pode-estar-dentro-do-alcance-de-misseis-norte-coreanos-em-breve-diz-franca,7d26e8a4657c5f807fd5e7b89f8f43faawljlad1.html|idioma=pt-BR}}</ref>
 
No dia 6 de setembro, o site especializado ''38 North'' revelou, baseado em imagens de [[Satélite artificial|satélite]], que houveramhouver vários deslizamentos de terra na região ao redor do teste. As experiências nucleares norte-coreanas sempre são conduzidas no interior de túneis escavados nas montanhas de Punggye-ri e devido às várias explosões no local, teme-se que a área esteja prestes a colapsar, o que poderia resultar em vazamentos [[Radioatividade|radioativos]].<ref>{{Citar periódico|ultimo=Group|primeiro=Global Media|data=2017-09-06|titulo=Armamento - Teste nuclear da Coreia do Norte causou deslizamento de terras|jornal=DN|url=http://www.dn.pt/mundo/interior/teste-nuclear-da-coreia-do-norte-causou-deslizamento-de-terras-8751494.html|idioma=pt-PT}}</ref>
 
== Potência da explosão ==
Utilizador anónimo