Abrir menu principal

Alterações

15 bytes removidos ,  01h49min de 7 de setembro de 2017
m
ajustes usando script
[[Imagem:Currier and Ives Liberty2.jpg|miniatura|esquerda|upright|[[Cromolitógrafo]] da ''[[Currier & Ives]]'' publicado um ano antes da estátua ser erguida. [[Manhattan]] e a [[Ponte do Brooklyn]] são vistas em segundo plano.]]
 
Funcionou como [[Farol|farol]], de 1886 a 1902, tendo sido pioneiro na utilização elétrica dentre os faróis, tendo em vista que até então utilizavam-se tochas no lugar de lâmpadas elétricas.
 
Inicialmente os visitantes podiam subir por escadas até a tocha da estátua, entretanto, em 1916, durante a [[Primeira Guerra Mundial]], houve um ato de sabotagem coordenado pelo governo alemão que danificou a tocha e um pedaço do vestido da estátua. Após o episódio, que ficou conhecido como "[[explosão Black Tom]]", não foi mais permitida a visitação da tocha.<ref>{{citar web|url=http://www.state.nj.us/dep/parksandforests/parks/liberty_state_park/liberty_blacktomexplosion.html|título=Liberty State Park: Black Tom Explosion|autor=|data=|publicado=|acessodata=}}</ref>
 
===Situação atual===
A estátua sofreu uma grande reforma em comemoração do seu centenário, sendo reinaugurada em [[3 de julho]] de [[1986]]. Essa reforma teve custo de 69,8 milhões de dólares.<ref name="History">{{citar web|url=http://www.nps.gov/stli/historyculture/index.htm|título=Statue of Liberty|autor=|data=|publicado=|acessodata=}}</ref>. Foi feita uma limpeza geral na estátua e na sua coroa que, corroída pelo tempo, foi substituída. A coroa original está exposta no saguão. Na festa da restauração, foi feita a maior queima de [[fogos de artifício]] já vista nos [[Estados Unidos]] até então.<ref name="History"/>.
 
Depois do [[atentado terrorista]] contra o [[World Trade Center]], em [[11 de setembro]] de [[2001]], que resultou no desabamento das torres gêmeas, a subida à coroa foi proibida, por motivos de segurança. Porém, a [[4 de julho]] de [[2009]],<ref>http://www.estadao.com.br/noticias/internacional,coroa-da-estatua-da-liberdade-sera-reaberta-em-4-de-julho,367608,0</ref>, a visitação da coroa foi reaberta, depois de 8 anos fechada ao público.
 
== Dimensões e composição==
[[Imagem:Nancy Reagan reopens Statue of Liberty 1986.jpg|miniatura|esquerda|upright|[[Nancy Reagan]] reabre a estátua para a visitação pública em 4 de julho de 1986.]]
A estátua mede 46,50 [[metro|metros]]s (92,99 metros contando o pedestal). O nariz mede 1,37 metros. O conjunto pesa um total de 24.635 [[tonelada]]s, das quais 28 toneladas são cobre, 113 toneladas são aço, e 24.493 toneladas de cimento no pedestal. Com as suas 24.635 toneladas, é actualmente a estátua mais pesada do mundo, segundo o [[Guinness World Records|Guinness Book]].<ref>{{citar livro|título=Guinness World Records 2009|nome=Craig|sobrenome=Glenday|editora=Random House, Inc.|ano=2009|ISBN=9780553592566|página=457}}</ref> Ficou entre os semi-finalistas do concurso das [[sete maravilhas do mundo moderno]].
 
São 167 degraus de entrada até o topo do pedestal, mais 168 até a cabeça e por fim outros 54 degraus levam até a tocha, o que, somados, consistem em um total de 389 degraus. Por ter sido construída em [[cobre]], originalmente a estátua apresentava coloração dourada. Entretanto, devido a uma série de reações químicas conhecida como [[pátina|patinação]], sais de cobre foram formados sobre sua superfície, o que lhe conferiu a atual tonalidade verde-azulada.<ref>http://www.nps.gov/stli/faqs.htm</ref>. Registros históricos não fazem qualquer menção da fonte do cobre usado na Estátua da Liberdade, mas suspeita-se que sejam provenientes da [[Noruega]].
 
Um soneto está escrito no pedestal, ''[[The New Colossus]]'':{{quote1|Venham a mim as multidões exaustas, pobres e confusas ansiosas pela liberdade. Venham a mim os desabrigados, os que estão sob a tempestade... Eu guio-os com a minha tocha. (Emma Lazarus, 1875)}}
[[Imagem:Liberty_Island_-_NYC_-_Usa2011.jpg|miniatura|[[Fotografia aérea]] da [[Ilha da Liberdade]]]]
[[Imagem:Libertyferry.png|miniatura|Balsa que realiza o transporte de turistas até a ilha onde se situa a Estátua da Liberdade]]
Para visitar a estátua é necessário a compra de bilhetes turísticos que incluem o transporte via [[balsa|Ferry Boat]] até a ilha da liberdade .<ref name="StatueofLibertyPlanYourVisit">{{citar web|url=http://www.nps.gov/stli/planyourvisit/index.htm|título=Plan your visit|autor=|data=|publicado=National Park Service|acessodata=12/01/2012}}</ref>. Normalmente, os passes permitem acesso total à ilha onde está a estátua, mas o visitante não tem permissão para adentrar no monumento.<ref name="StatueofLibertyPlanYourVisit"/>. Ingressos que permitam a entrada no monumento são fornecidos mediante o pagamento de taxas extras, entretanto, desde outubro de 2011 não está sendo mais permitido nenhum tipo de acesso ao monumento, pois o mesmo encontra-se em reforma, devendo ser reaberta em outubro de 2012.<ref name="StatueofLibertyPlanYourVisit"/><ref name="thestatueoflibertydotcom">{{citar web|url=http://www.thestatueofliberty.com/|título=Liberty Enlightening the World|autor=|data=|publicado=Thestatueofliberty.com|acessodata=12/01/2012}}</ref><ref name="TICKETS">{{citar web|url=http://www.newyorkpass.com/tickets/Statue_of_Liberty?aid=10&gclid=COXPidSOya0CFcOP7Qodawjofw|título=Statue of Liberty & Ellis Island Tickets|autor=|data=|publicado=|acessodata=}}</ref>.
 
O visitante pode pegar a balsa que executa o transporte até a estátua no [[Battery Park]], caso esteja partindo da cidade de Nova Iorque, ou do [[Liberty State Park]], se a partida for de [[Nova Jérsei]].<ref name="StatueofLibertyPlanYourVisit"/><ref name="thestatueoflibertydotcom"/>. Além do transporte, o ticket também inclui a taxa de ingresso no parque nacional instalado na ilha da liberdade e uma visita ao museu de [[Ellis Island]], cuja parada é feita pela balsa que faz o retorno ao ponto de partida.<ref name="StatueofLibertyPlanYourVisit"/><ref name="thestatueoflibertydotcom"/><ref name="TICKETS"/>.
 
Outra possibilidade é chegar até a ilha por meio de um ''water taxi'', serviço que realiza transportes aquáticos com uso de barcos mais velozes e confortáveis que os ferry boats, eliminando a longa espera em filas antes do embarque. Entretanto, nesse caso o custo é mais elevado do que o praticado pelo transporte via balsa.<ref name="Water taxi">{{citar web|url=http://www.nywatertaxi.com/tours/statue-of-liberty-express#tickets|título=See Lady Liberty in 60 New York Minutes!|autor=|data=|publicado=|acessodata=}}</ref>.
 
Após os atentados de [[Ataques de 11 de setembro de 2001|11 de setembro]] a visitação passou a ser controlada mediante um esquema de segurança muito similar ao adotado nos [[aeroporto]]s norte americanos. Antes de entrar em qualquer embarcação que se dirija à estátua, o visitante deverá, obrigatoriamente, passar por uma checagem de segurança. Toda bagagem de mão deve ser verificada em máquinas de [[raios X]] e todos os visitantes devem passar, sem sapatos, por um [[detector de metais]]. É proibido o transporte de qualquer item potencialmente perigoso dentro das balsas, tais como [[faca]]s, [[arma]]s, [[isqueiro]]s, [[drogas ilegais]] entre outros.<ref name="StatueofLibertyPlanYourVisit"/><ref name="thestatueoflibertydotcom"/><ref name="TICKETS"/><ref name="NPSSafetyandSecurity">{{citar web|url=http://www.nps.gov/stli/planyourvisit/safety-and-security.htm|título=Safety and Security|autor=|data=|publicado=National Park Service|acessodata=12/01/2012}}</ref>. Assim como nos aeroportos, a vistoria é acompanhada por agentes federais que têm autoridade para proceder revistas corporais caso julguem necessário.<ref name="NPSSafetyandSecurity"/>.
 
Além da estátua, na ilha o visitante pode caminhar pelo parque existente no local, vislumbrar o famoso [[panorama urbano|skyline]] de [[Manhattan]], alimentar-se em uma das lanchonetes ali existentes e visitar a loja de presentes e [[souvenir]]s<ref>{{citar web|url=http://www.nycgo.com/venues/statue-of-liberty-gift-shop|título=Statue of Liberty - gift shop|autor=|data=|publicado=nycgo.com|acessodata=}}</ref>
[[Imagem:LineartPresRev.png|miniatura|Moeda comemorativa, no valor de 1 dólar, com a estátua gravada em seu verso.]]
 
Após sua inauguração, a estátua da liberdade rapidamente se converteu em um [[ícone]] da cidade de Nova Iorque e até mesmo, de todos os Estados Unidos, sendo atualmente considerada como um [[Símbolos nacionais|símbolo nacional]].<ref>{{citar web|url=http://www.statesymbolsusa.org/National_Symbols/National-Symbols.html|título=NATIONAL SYMBOLS - EMBLEMS - ICONS|autor=|data=|publicado=|acessodata=}}</ref>. Não é incomum o lançamento de [[moeda]]s e [[Selo postal|selos postais]] com a figura da estátua.
 
A imagem da estátua é adotada como [[logotipo]]s de empresas, [[Produtora cinematográfica|companhias cinematográficas]], [[Curso de idiomas|cursos de idiomas]], [[Agência de turismo|agências de turismo]], entre outros. Aparece recorrentemente em [[filme]]s e [[programas de TV]], sobretudo quando estes desejam destacar que a filmagem se passa nas cercanias da cidade de Nova Iorque.
 
Também é utilizada de maneira oficial como um dos símbolos do [[estado de Nova Iorque]]. Inclusive, uma das versões das [[Placa de identificação de veículos|placas de identificação de veículos]] licenciados em Nova Iorque tem a imagem da estátua no plano de fundo.<ref>{{citar web|url=http://www.worldlicenceplates.com/usa/US_NYXX.html|título=Licence Plates of New York|autor=|data=|publicado=|acessodata=12/01/2012}}</ref>.
 
A identidade dos norte-americanos com a estátua é tamanha que a população, carinhosamente, a apelidou de "''Miss Liberty''" (Senhorita Liberdade).<ref>{{citar livro|autor=Linda S. Watts|título=Encyclopedia of American folklore|editora=Facts on File|ano=2007|páginas=467|isbn= 0-8160-5699-4}}</ref>.
 
No restante do mundo o monumento também é frequentemente mencionado, não sendo incomum a adoção de réplicas da estátua em diversas cidades como [[Maceió]], no [[Brasil]],<ref>{{citar web|url=http://www.cultura.al.gov.br/forum-cultural/portal-cultural/acervo-audiovisual/fotos|título=acervo de fotos|autor=|data=|publicado=cultura.al.gov.br|acessodata=}}</ref>, [[Leicester]], na [[Inglaterra]],<ref>{{citar web|url=http://www.leicester.gov.uk/your-council-services/lc/growth-and-history/statuesandsculpture/libertystatue/|título=Leicester's landmark Liberty Statue has been put on display in its new home.|autor=|data=|publicado=Leicester City Council|acessodata=12/01/2012}}</ref>, ou [[Misawa]], no [[Japão]].<ref>{{citar web|url=http://www.misawalife.com/2008/06/statue-of-liberty-park.html|título=State of Liberty Park|autor=|data=|publicado=Misawa life|acessodata=}}</ref>.
 
==Réplicas==
[[Imagem:Ms liberty in tokyo.jpg|thumb|esquerda|Réplica da estátua em [[Tóquio]], [[Japão]]]]
 
A cidade de [[Paris]] também possui três monumentos semelhantes a Estátua da Liberdade, que foram utilizados como modelos para a construção da estátua doada aos Estados Unidos. O maior deles fica na extremidade da Île des Cygnes, na altura da Ponte de Grenelle e está voltada para oeste, em direção à estátua original em [[Nova Iorque]].<ref name="France">{{citar web|url=http://www.french-at-a-touch.com/Statue_of_Liberty/statue_of_liberty.htm|título=Statue of Liberty|autor=|data=|publicado=French at a touch|acessodata=}}</ref>.
 
A estátua pode ser observada do [[rio Sena]] ou desde as proximidades da Ponte de Grenelle. Essa réplica de 11,5m e 14 toneladas foi doada à cidade em 1885 e inaugurada em 15 de novembro de 1889 na presença de seu criador, o escultor francês [[Frédéric Auguste Bartholdi]].<ref>{{citar web|url=http://www.cr.nps.gov/history/online_books/hh/11/hh11e.htm|título=Construction of the Statue|autor=|data=|publicado=|acessodata=}}</ref>.
 
A segunda réplica está dentro dos [[Jardin du Luxembourg]], e foi um presente de Bartholdi ao Musée de Luxembourg em 1900 - a estátua foi instalada definitivamente nos jardins seis anos mais tarde. Essa estátua é feita em bronze e serviu como modelo para a construção da estátua de Nova Iorque.<ref name="France"/>. Ela segura uma tábua com a inscrição "15 de novembro 1889" - referenciando a data de inauguração da réplica da Île des Cygnes.
 
=== Brasil ===
 
====Santa Catarina====
Uma réplica da estátua da Liberdade medindo 57 metros de altura está localizada às margens da rodovia [[BR-101]], na cidade [[Santa Catarina|catarinense]] de [[Barra Velha]].<ref>[http://g1.globo.com/brasil/noticia/2011/06/loja-de-departamentos-inaugura-em-sc-replica-da-estatua-da-liberdade.html Loja de departamentos inaugura em SC réplica da Estátua da Liberdade]</ref>. Na base dessa réplica está instalada uma loja da [[Havan]], a qual foi a responsável pela construção da estátua, cujo peso é de 200 toneladas, excluindo-se o pedestal.<ref> [http://newagecom.com.br/blog/2011/06/16/havan-inaugura-a-maior-estatua-do-brasil-em-barra-velha/ Havan inaugura maior estátua do Brasil em Barra Velha]</ref>. Apesar do proprietário manter outras réplicas em outras lojas de sua rede, o monumento localizado na cidade de Barra Velha chama atenção por se tratar da maior estátua existente em território brasileiro, superando inclusive a altura do [[Cristo Redentor]] .<ref>http://www.clicrbs.com.br/anoticia/jsp/default.jsp?uf=2&local=18&section=Geral&newsID=a3354928.htm</ref>.
 
{{Referências|col=2}}
210 093

edições