Abrir menu principal

Alterações

156 bytes removidos ,  01h29min de 10 de setembro de 2017
m
ajustes gerais nas citações, outros ajustes usando script
| lema pt =
| pais = [[França]]
| localização= Perto de [[Cannes]], no sul da França.
| nº_aluno =
| fundada_em = Sabe-se que existe há mais de 700 anos.
===Localização===
 
J. K. Rowling disse que Beauxbatons se encontra em algum lugar perto de Cannes no sudeste da França. Isto também explica porque os estudantes de Beauxbatons estavam com tanto frio ao chegar a Hogwarts, que fica ao norte da [[Escócia]]. Quando [[Hagrid]] e Maxime saíram na busca secreta pelos gigantes (fim do livro quatro), Hagrid diz que eles vão para o sul da França.<ref>{{Citar periódico|data=2016-02-19|titulo=Bruxos do Brasil, agora é possível estudar em uma escola de magia tipo Hogwarts! {{!}} Capricho|jornal=CAPRICHO|url=https://capricho.abril.com.br/vida-real/bruxos-do-brasil-agora-e-possivel-estudar-em-uma-escola-de-magia-tipo-hogwarts/|idioma=pt-BR}}</ref>
 
Está localizada num grande castelo, igual ao de Hogwarts, só que mais limpo, reluzente, e mais brilhante, o que é adequado ao estilo mediterrâneo. A comida, de acordo com a aluna Fleur Delacour, é deliciosa e mais delicada do que a servida em Hogwarts. Ao invés de armaduras, os halls de Beauxbatons são ladeados por estátuas de gelo, que brilham como diamantes durante a época de Natal. Beauxbatons não pode ser localizada (como a maioria dos prédios do mundo mágico), de modo que, os [[trouxa]]s e mesmo os magos de escolas rivais, não podem encontrá-la no mapa. A escola é tão disfarçada, que ninguém pode vê-la a menos que saiba como procurar.
 
Beauxbatons completou o Torneio Tribruxo de 1994, representada por Fleur Delacour. Nem Fleur nem as outras meninas da escola pareceram muito impressionadas com Hogwarts. Fleur passou a maior parte do tempo fazendo comparações, onde Beauxbatons era sempre muito melhor.
 
No filme baseado no livro [[Harry Potter e o Cálice de Fogo]], dá a impressão que Beauxbatons é uma escola só para meninas. Isso difere do livro: os estudantes do sexo masculino são claramente mencionados no livro quatro. Inclusive a estudante de Hogwarts, [[Parvati Patil]], até chega a namorar um estudante de Beauxbatons.
| título-pt = Instituto Durmstrang
| título-br = Instituto Durmstrang
| imagem = [[FileImagem:ArmoiriesDurmstrang.svg|150px]]
| tamanho = 50x50px
| legenda =
| nº_aluno =
| fundada_em =
| fundador =Nerida Vulchanova
| n°_casa =
| diretor = [[Igor Karkaroff]]
{{AP|[[Instituto Durmstrang]]}}{{Revelações sobre o enredo}}
 
Na série [[série Harry Potter|Harry Potter]], o [[Instituto Durmstrang|'''[[Instituto Durmstrang]]''']] (em Inglês: Durmstrang Institute; em Cirílico : Дурмстранг) é uma instituição de ensino da magia situada no norte da [[Europa]], provavelmente na região da [[Escandinávia]] ([[Dinamarca]], [[Noruega]] e [[Suécia]]), não se sabe o país exato onde o Instituto se situa, não se sabe também a data de sua fundação e Durmstrang é uma das três escolas europeias que participam do Torneio Tribruxo. Seu diretor, no período da série [[Harry Potter]] é [[Igor Karkaroff]], que Harry descobre que foi um dos Comensais da Morte de [[Lord Voldemort|Voldemort]].<ref>{{citar web|url=http://www1.uol.com.br/criancas/harrypotter/livros.shl|titulo=Harry Potter|data=|acessodata=16/10/2013|autor=[[Uol]]}}</ref>
 
Durmstrang é conhecida por aceitar alunos de todo o continente, um exemplo é Viktor Krum, apanhador da seleção búlgara de quadribol e sua fundadora Nerida Vulchanova, também búlgara. Durmstrang não permite a entrada de nascidos trouxas, porém nem todos da Instituição concordam plenamente com essa proibição.
 
=== Significado do Nome ===
"Durmstrang" parece ser um erro ou brincadeira com o termo ''[[Sturm und Drang|]]''Sturm und Drang'']], uma expressão alemã que significa "tumulto, efervescência" derivada do nome de um movimento literário alemão do século VIII, precursor do Romantismo. "Sturm und Drang" pode ser literalmente traduzido como "tempestade e ímpeto".
 
=== Localização ===
:''Entrem, estranhos, mas prestem atenção''
:''Ao que espera o pecado da ambição,''
:''Porque os que tiram o que não ganharam''
:''Terão é que pagar muito caro,''
:''Assim, se procuram sob o nosso chão''
Os cofres, que são mais de setecentos, podem ser abertos de várias maneiras. Os comuns usam uma chave pequena. Os de alta segurança possuem encantamentos nas portas e não têm fechaduras. O cofre de onde Hagrid tirou a '''pedra filosofal''', por exemplo, pertence a [[Dumbledore]], seu número é 713 e foi aberto com magia. O duende alisou a porta com seu dedo comprido e ela se dissolveu mas, se alguém que não fosse um duende de ''Gringotts'' tentasse fazer isso, seria engolido pela porta e ficaria preso lá dentro.
 
O cofre de [[Sirius Black]] tem o número 711 e o de [[Harry James Potter|Harry]] é o 687.
 
Um dos funcionários mais conhecidos do Gringotes é [[Bill Weasley]] que trabalhava no [[Egito]], quebrando maldições de lugares como as pirâmides, para recuperar tesouros para o banco. Quando regressa para ajudar na luta contra [[Voldemort]], reencontra [[Fleur Delacour]] também trabalhando no ''Gringotts'' para aperfeiçoar seu inglês.
 
Após o retorno de [[Voldemort]] a segurança do banco foi aumentada.
 
Consta no site [http://www.lexicon.com/ Lexicon] uma explicação de onde pode ter sido criado o nome Gringotts: em inglês a palavra “ingot” significa lingote, uma barra de metal precioso.
O '''Galeão''', os '''Sicles''' e os '''Nuques''' (ambos traduções de [[Lia Wyler]] para a edição brasileira) formam as três moedas que circulam em seu mundo. O sistema monetário é formado por essas três moedas, e também pelo banco, administrado por duendes, o Gringotes.
 
*O [[Galeão de ouro]] é uma [[moeda]] de [[ouro]], que equivale a 17 sicles;
*Os [[Sicles]] são moedas de [[prata]], sendo que um sicle equivale a 29 nuques;
*Os [[Nuques]] são moedas de [[bronze]].
{{Revelações sobre o enredo}}
 
'''Diagon Alley''' ou nas edições recentes '''Ruela Diagonal''' (Portugal) ou '''Beco Diagonal''' (Brasil) é um local fictício, no universo dos livros e filmes da série de [[Harry Potter]]. O Beco é o lugar onde os bruxos vão para fazer suas compras, que incluem "''caldeirões de todos os tamanhos''", até animais de estimação, como ratos, corujas e sapos. O ''Caldeirão Furado'', bar que serve de entrada para o Beco, fica na rua Charing Cross, em [[Londres]]. [[Harry James Potter|Harry]] conhece o '''Beco''' antes de ir para [[Hogwarts]], quando [[Hagrid]] o leva lá.
 
===Lojas e outros estabelecimentos===
No [[Harry Potter e a Câmara Secreta|segundo livro]], Harry e [[Rony Weasley]] vão até a floresta seguindo aranhas, segundo ordens de [[Hagrid]], a fim de encontrar o responsável pelas misteriosas petrificações ocorridas em [[Hogwarts]]. Na ocasião, os garotos conhecem a [[acromântula]] Aragogue e encontram o já destruído carro voador do [[Artur Weasley|Sr. Weasley]].
 
No [[Harry Potter e o Cálice de Fogo|quarto livro]], a primeira tarefa do [[Torneio Tribruxo]] ocorreu numa arena construída na Floresta Proibida.
 
No [[Harry Potter e a Ordem da Fênix|quinto livro]], [[Hagrid]] esconde seu irmão gigante [[Grope]] na floresta, e, em uma das visitas ao gigante, Harry, Hermione e Hagrid quase são atacados pelos Centauros. Na noite da batalha do [[Departamento de Mistérios]], Hermione leva [[Dolores Umbridge]] para a floresta para que ela, Harry, Rony, [[Neville Longbottom]], [[Gina Weasley]] e [[Luna Lovegood]] possam ir ao [[Ministério da Magia]] salvar [[Sirius Black]]. Umbridge insulta os centauros e é atacada. Harry e Hermione também são ameaçados, mas o gigante [[Grope]] os salva.
Em [[Hogsmeade]], no bar Cabeça de Javali, o Professor [[Dumbledore]] ouvia a profecia de [[Sibila Trelawney]] (como explicado no livro [[Harry Potter e a Ordem da Fênix]]). No mesmo momento, [[Severus Snape]] também ouvia e corria para contar para [[Voldemort]]. De acordo com a parte sabida da profecia, ele poderia escolher entre dois meninos para ser sua nêmesis. Curiosamente ele escolheu [[Harry James Potter|Harry]], filho de uma sangue ruim contradizendo o seu credo de que somente os puro-sangue são bruxos qualificados que viria a ser a opção de [[Neville Longbottom]].
 
Sabendo que seu filho bebê corria perigo mortal, Tiago e [[Lílian Potter]] precisavam de um lugar seguro para se esconder do Lord das Trevas. Em outubro de 1981 eles se esconderam na vila chamada Godric´s Hollow, envoltos pela magia '''Feitiço Fidelius'''. Para [[Fiel do segredo]] foi escolhido [[Pedro Pettigrew]], que ninguém sabia, era seguidor de Voldemort. A escolha desse antigo colega de [[Hogwarts]] trouxe até eles, o Lord das Trevas e incriminou [[Sirius Black]]. Todos acharam que Sirius era o fiel do segredo e tinha entregado os amigos, portanto ele foi preso e levado para [[Azkaban]]. E Pettigrew, solto, continuou sempre esperando seu mentor.
 
Quando Voldemort chegou à casa dos Potter para matá-los, ainda ofereceu à Lílian a chance de fugir e se salvar, mas ela preferiu se sacrificar pelo filho, o que conferiu a Harry uma proteção que o Lord das Trevas não pôde superar.
 
Após matar [[Lílian Evans]] com um [[Avada Kedavra]], uma '''maldição imperdoável''' ele conferiu, sem saber, uma proteção de sacrifício da mãe para com o seu filho, tornando-o imune ao ataque seguinte desferido pelo Lord das Trevas contra o garoto. Estando protegido a única sequela foi uma cicatriz em formato de raio na testa, proveniente do feitiço. [[Voldemort]], no entanto, foi reduzido a um espectro incorpóreo, que, por muitos anos, vagou sem rumo, reaparecendo dez anos depois.
Godric's Hollow se refere a um dos fundadores de Hogwarts, [[Godric Gryffindor]], responsável pela casa [[Grifinória]].
 
Godric's Hollow é aonde nasceu Godric Gryffindor e outras famílias bruxas. Antes de serem mortos por Voldemort, Thiago e Lílian viviam como trouxas num chalé de dois andares, nesse local. A localização da vila parece ser em [[Gales]], porque [[Hagrid]] comenta com [[Dumbledore]] no primeiro livro, que o bebê (Harry) dormiu quando voavam sobre [[Bristol]] antes de chegar na [[Rua dos Alfeneiros]] que fica em [[Surrey]]. Além disso é o local para onde Harry decide ir no meio do livro Harry Potter e as Relíquias da Morte. O garoto acredita que voltar ao local onde tudo começou poderá lhe dar pistas novas sobre os Horcruxes e também quer conhecer o lugar onde seus pais foram mortos.
 
Bowman Wright, o criador do [[pomo de ouro]] (bola usada no jogo de [[quadribol]]), viveu em Godric's Hollow por volta da metade do ano [[1300]].
== Hogsmeade ==
 
'''Vilarejo Hogsmeade''', ou simplesmente '''Hogsmeade''' é o único estabelecimento na [[Grã-Bretanha]] habitado unicamente por seres [[magia|mágicos]], e está localizada a [[noroeste]] da [[Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts]]. Criada por [[J. K. Rowling]] para a [[série Harry Potter]], têm pequenas casas e lojas. É ligada a Hogwarts apenas por uma estrada, e separada pelo lago, e é onde tem a estação de trem na qual os alunos chegam.<ref>[http://www.hp-lexicon.org/atlas/britain/atlas-b-hogsmeade.html Mapa de Hogsmeade]</ref>. Os estudantes também podem visitar a vila em dias marcados, com permissão de seus encarregados de educação.
 
A [[vila]] foi fundada mais ou menos junto com Hogwarts, pelo bruxo Hengist de Woodcroft, que fugia da perseguição dos trouxas. A vila serviu como quartel-general dos bruxos contra a Rebelião dos Duendes em 1612. Talvez seja por isso que existam tantas passagens secretas entre a vila e a escola, encontradas pelos [[Marotos]].
 
===Cabeça de Javali===
'''Dono:''' [[Aberforth Dumbledore]]
 
Uma pequena taberna, numa rua lateral da rua principal. Atrai um tipo de clientela pior do que o Três Vassouras. O bar consiste num pequeno salão, que cheira fortemente a algo que lembra cabras. Os alunos de Hogwarts não são proibidos de entrar e é recomendado trazer os próprios copos.
Foi neste local que [[Hagrid]] ganhou um ovo de dragão de um estranho homem num jogo de cartas. É lá que foi criada a AD, [[Armada de Dumbledore]], um grande treinamento em que Harry Potter ensina, na prática, os membros a se protegerem de quem se utiliza da arte das trevas. Foi proposta por [[Hermione Jean Granger]], para a eventualidade dos membros da armada encontrarem [[Voldemort]] ou os seus seguidores, os [[Comensais da Morte]].
 
===Café Madame Puddifoot===
 
'''Dona: '''Madame Pudiffot
Considerada a casa mais mal-assombrada da Grã-Bretanha, até os fantasmas de [[Hogwarts]] a evitam, porque dizem que lá é o lar de uma estranha figura. Atualmente, se sabe que a casa servia como asilo para o lobisomem [[Remus Lupin]] ficar nas noites de lua cheia, quando estudava em Hogwarts. Existia um túnel entre o Salgueiro Lutador, nos jardins da escola, e a Casa dos Gritos.
 
Quando Lupin se transformava, obviamente, ele gritava e produzia barulhos estranhos, além dos barulhos provocados pelos seus amigos, então as pessoas que moravam por perto pensavam (e ainda pensam) que a casa era mal assombrada; os Marotos não tiveram objeções a essa fama da casa porque assim as pessoas se mantinham afastadas, principalmente
em noites de lua cheia.
 
===Trapobelo Moda Mágica===
 
Loja de roupas bruxas, que também tem filiais no Beco Diagonal, em Londres e em Paris. Vendem todos os tipos de roupas, incluindo estranhas meias.
 
===Três Vassouras===
* Quinto andar - Salão de chá para os visitantes/shopping do hospital
 
No final do cartaz tem a seguinte observação: "''Se você não tem certeza aonde ir, possui incapacidade de conversar normalmente ou não consegue se lembrar porque está aqui, nossa recepção vai ter o prazer de ajudá-lo''".<ref name="hp5">{{Citar livro|autor=[[J.K. Rowling]]|título=Harry Potter and the Order of the Phoenix|subtítulo= |língua2língua=en|edição= |local={{flagicon|United Kingdom}}|editora=[[Bloomsbury Publishing Plc|Bloomsburry]]|ano=2003|páginas=766|volumes= |isbn=85-325-1622-X}}</ref>
 
== Lago de Hogwarts ==
{{Revelações sobre o enredo}}
 
O '''Ministério da Magia''' é uma instituição política [[ficção|fictícia]], existente nas histórias da série [[Harry Potter]], de [[J.K. Rowling]]. Localizado em [[Londres]], [[Inglaterra]], é nele que são definidas as [[lei]]s para a manutenção da ordem no mundo bruxo e do equilíbrio nas relações políticas com os [[Trouxas]]. O Ministério é primeiramente mencionado em ''[[Harry Potter e a Pedra Filosofal]]'', e a instituição de fato aparece pela primeira vez em ''[[Harry Potter e a Ordem da Fênix]]''.<ref>{{Citar livro|url=http://pt.wikipedia.org/wiki/Harry_Potter_e_a_Ordem_da_F%C3%AAnix |nome=J.K |sobrenome=ROWLING |título=Harry Potter e a Ordem da Fênix |idioma=Português |local= Brasil|editora=Rocco |ano=2003 |página= |capítulo=7}}</ref>. Ao longo dos sete livros, vemos o ministro e seus funcionários atuarem durante a ascensão de [[Voldemort]], majoritariamente tentando esconder as evidências do retorno do Lord das Trevas e, às vezes, agindo de forma corrupta.
[[Imagem:Skye-telephone.jpg|thumb|260px|Cabine Telefonica]]
Entre os seus funcionários incluem-se, [[Cornelius Fudge]], [[Arthur Weasley]], [[Ninfadora Tonks]], [[Lucio Malfoy]].
 
{{Revelações sobre o enredo}}
 
Havia o ''Conselho dos Bruxos'' e o chefe do Conselho era ''Barberus Bragge'' em 1269. No século XIV o chefe era ''Burdock Muldoon''. Depois dele ''Elfrida Clagg'' (nas cartas dos bruxos famosos consta que ela chefiou o conselho durante os anos 1662), tomou posse como chefe do Conselho e ficou na história pelas decisões importantes que tomou com relação à proteção do ''Pomorim Dourado'' (pássaro que era usado no lugar do [[Pomo de Ouro]] no jogo de [[Quadribol]]), proibindo sua caça e seu uso no jogo. Por muito tempo o Conselho discutiu quem deveria participar do governo da comunidade mágica, assim decidiram que todos os que andassem com duas pernas seriam ''seres'' e não bestas, então poderiam participar do grande conselho para decidir sobre as leis (assim trolls, pixies e outros causaram uma grande confusão).
 
No final do ano 1691 a perseguição aos bruxos estava se tornando insuportável, de modo que resolveram remover o mundo mágico de todo e qualquer contato com o mundo dos [[trouxa]]s. Nessa altura a ''Confederação Internacional dos Bruxos'', que englobava as várias nações, conselhos e ministérios se reuniu para discutir a questão.
 
Em 1692 foi aprovado o '''Estatuto Internacional do Sigilo'''. Todos os países se submetem a esse estatuto que talvez seja a lei mais importante no mundo mágico. A Confederação existe até hoje e ainda mantém o Estatuto do Sigilo sob estrita vigilância.
 
O Ministério da Magia chefiado pelo Ministro da Magia só se formou em algum momento dos anos [[1600]].
===Funcionários do Ministério===
 
'''Bartolomeu Crouch''' (também conhecido como '''''Bartolomeu Crouch Sr''''', '''''Bartô Crouch''''' , ou '''''Bartemius "Barty" Crouch''''' , em [[Inglês]]), foi chefe do ''Departamento de Execução das Leis da Magia'', antes dos acontecimentos do primeiro livro, quando Voldemort ascendeu ao poder pela primeira vez.
 
====Ludovic Bagman====
A entrada de visitantes do Ministério fica dentro de uma cabine telefônica no centro de Londres, onde, para entrar, você primeiro pega o telefone e disca o nùmero 62442 (teclas correspondentes às letras M-A-G-I-A) e, ao ouvir a voz da atendente, se identifica com seu nome e diz o motivo de sua visita. Após isso você receberá um crachá de visitante e a cabine telefônica afunda pelo chão adentro, levando à parte interna das instalações do Ministério.
 
Ao sair da cabine telefônica, se está de frente para um grande hall com um piso muito bem polido de madeira escura, o teto é azul-esverdeado com vários símbolos dourados e brilhantes que se movem mudando de posição, como um enorme quadro de avisos no céu, as paredes de cada lado tem painéis de madeira enegrecida brilhante e várias chaminés com bordas douradas.
 
No meio do hall existe uma fonte, e um grupo de estátuas douradas, maiores que o tamanho natural ficam no meio do círculo de água. O maior de todos, é um bruxo de nobre olhar apontando sua varinha para o céu, ao seu lado uma bela bruxa, um centauro, um duende e um elfo doméstico, os últimos três olham como que adorando os bruxos. (Essa fonte foi destruída na ocasião da batalha no departamento de mistérios).
===Departamentos e encarregados===
 
São sete os departamentos do Ministério, sendo que o ''Departamento de Execução das Leis da Magia'' é o maior de todos. É como se os outros fossem interligados a ele (com exceção do Departamento de Mistérios).
 
De acordo com a edição brasileira do livro [[Harry Potter e a Ordem da Fênix]], no dia da audiência de [[Harry]] no ministério, ele e [[Arthur Weasley]] entram na cabine telefônica e no Átrio tomam o elevador que, vai nomeando os andares ou níveis (página 108), começando pelo nível sete e continuando em ordem decrescente. <br />
De modo que, eles desceram, estavam no nível dois, no escritório do Sr. Weasley mas como a audiência havia sido transferida para o ''velho Décimo Tribunal'', tiveram que tomar o elevador e ir até o nível nove para então descer pelas escadas até o nível dez. Portanto a cabine telefônica deve levar os visitantes até o Átrio e acima dele estão os andares do 7 até o 1. Abaixo do Átrio devem ficar os níveis 9 pelo elevador e o 10 pela escada (sendo o Átrio o nível 8).
 
No '''sétimo nível''' - fica o Departamento de Jogos e Esportes Mágicos, incluindo a Sede das Ligas Britânica e Irlandesa de Quadribol, o Clube de Bexiga Oficial e a Seção de Patentes Absurdas. — chefe [[Ludovico Bagman]].<br />
Era onde trabalhava [[Bertha Jorkins]] (assassinada por Voldemort)<br />
Esse departamento existe desde 1750.<br />
Foi o departamento responsável pela organização da '''Copa Mundial de Quadribol''' e pelo [[Torneio Tribruxo]].
 
No '''sexto nível''' - fica o Departamento de Transportes Mágicos, incluindo a Autoridade da Rede de Flu, o Controle de Aferição de Vassouras, a Seção de Chaves de Portais e o Centro de Testes de Aparatação. — chefe desconhecido.<br />
 
No '''segundo nível''' - fica o Departamento de Execução das Leis da Magia, incluindo a Seção de Controle do Uso Indevido de Magia, o Quartel General dos Aurores e os Serviços Administrativos da Suprema Corte dos Bruxos. — chefe Amélia Bones até julho de 1996<br />
Durante os anos negros em que [[Voldemort]] aterrorizou a comunidade bruxa, o chefe desse departamento era Bartolomeu Crouch Sênior. <br />
Arthur Weasley é o chefe da seção de ''Mau Uso dos Artefatos dos Trouxas'' até julho de 1996. Quando Rufus Scrimgeour se torna Ministro, Arthur passa a chefiar uma seção com dez funcionários, responsável pela ''Detecção e Confisco de Feitiços Defensivos e Objetos de Proteção Forjados.'' <br />
Foi de lá que saiu o berrador enviado por Mafalda Hopkirk avisando que foi detectado uso do feitiço do Patrono, que foi lançado por Harry para se salvar quando estava junto a Duda Dusley, no quinto livro. Trabalham aqui Mafalda Hopkirk e Hermione Granger, que se tornou uma voz ativa no fim das leis opressoras dos nascidos-trouxa.
Os bruxos de bem não freqüentam essa parte do [[Beco Diagonal]], porque ali tudo é ligado ao mal, mas no livro [[Harry Potter e a Câmara Secreta]] o próprio [[Harry James Potter|Harry]] foi parar lá, justamente na loja '''Borgin & Burkes'''. Esse episódio aconteceu quando ele tomou o [[Pó de Flu]] pela primeira vez e foi parar na lareira da loja.
 
Quem quer comprar cabeças encolhidas, aranhas vivas, gigantescas, velas envenenadas vai encontrar por ali com certeza, em alguma loja. Inclusive há uma bruxa que fica na alameda vendendo unhas humanas e [[Hagrid]] sabe de alguém que vende Repelente para lesmas carnívoras (ou era apenas uma desculpa porque lesmas carnívoras não comem repolhos).
 
==Borgin & Burkes==
210 080

edições