Abrir menu principal

Alterações

4 bytes removidos ,  13h32min de 11 de setembro de 2017
m
ajustes usando script
|país= {{BEL}}
|outorgante= [[Bélgica|Monarca belga]]<br /><small>([[Filipe da Bélgica|Filipe]])</small>
|criação= [[11 de Julho]] de [[1832]]
|tipo= [[Ordens de Cavalaria|Ordem de Cavalaria]] com cinco classes
|descritivo=
|observação=
}}
[[File:Uniform Albert I, Koning der Belgen.JPG|thumb|right|200px|
Uniforme de Tenente-general do rei [[Alberto I da Bélgica]] (Grande Cordão), com cruz, faixa. As restantes condecorações são a Cruz de Guerra 1914-1918, a medalha de l'Yser 1914-1918, e a a medalha comemorativa da [[Primeira Guerra Mundial]] 1914-1918.]]
A '''Ordem de Leopoldo''' (em [[Países Baixos|holandês]]: ''Leopoldsorde'', em [[França|francês]]: ''Ordre de Léopold'') é uma das três actuais [[Ordens de Cavalaria]] da [[Bélgica]]. É a mais alta das condecorações belgas e a sua designação é em honra de [[Leopoldo I da Bélgica]]. É uma ordem abrangente que homenageia militares, marinha mercante e civis. A Ordem foi criada em [[11 de Julho]] de [[1832]] e é atribuída por actos de bravura em combate ou por serviços distintos prestados em prol da nação belga. A Ordem de Leopoldo é atribuída por Decreto Real.
Durante a [[Segunda Guerra Mundial]], a Ordem de Leopoldo foi atribuída a vários oficiais estrangeiros que ajudaram a libertar a Bélgica da ocupação [[Alemanha|alemã]]. De entre eles, destaque-se [[George S. Patton]], [[Bernard Montgomery]], [[Dwight D. Eisenhower]] e [[Wesley Clark]]. A medalha também foi entregue a [[Josip Broz Tito]] em [[1970]].
 
O "[[fons honorum]]" é o rei [[Filipe|Filipe]] e o título está reservado para os cidadãos belgas mais importantes e para alguns estrangeiros que, de alguma forma, contribuíram para o estado belga.
 
==Classes==
A Ordem de Leopoldo é composta por cinco classes::
 
Apenas o rei pode ser designado por Grão-Mestre ('Grootmeester'). O Grande Cordão está reservado para famílias reais nacionais e estrangeiras, chefes de estado, ministros belgas de carreira e ex-primeiros-ministros, generais de três estrelas e funcionários civis de longa carreira.
 
==Insígnia==
O Colar da Ordem é de [[ouro]], com nove [[Coroa (monarquia)|coroa]]s, nove [[monograma]]s “LR” (de "Leopoldus Rex", em português: Rei Leopoldo), e 18 leões.
 
A placa da Ordem é uma estrela em prata de oito pontas para a classe do Grande Cordão; e uma de prata [[Cruz de Malta|Cruz Maltesa]] com raios entre os seus braços, para a classe de Grande Oficial. O disco central tem um leão em fundo negro-esmalte, rodeado por um anel em vermelho-esmalte com o lema igual ao do emblema. Consoante a categoria, o medalhão pode ter por trás espadas, ou âncoras, douradas e cruzadas.
 
A fita da Ordem é, habitualmente, lisa e de cor [[púrpura]]. No entanto, se a Ordem é atribuída em circunstâncias especiais, a fita das classes de Oficial e Cavaleiro, podem ter as seguintes variações:
 
!colspan=3|Barras
|-
|width=20% valign=center align=center|[[FileImagem:Grand Crest Ordre de Leopold.png|85px]]<br /><small>Grande Cordão</small>
|width=20% valign=center align=center|[[FileImagem:Grand Officer Ordre de Leopold.png|85px]]<br /><small>Grande Oficial</small>
|width=20% valign=center align=center|[[FileImagem:Commander Ordre de Leopold.png|85px]]<br /><small>Comendador</small>
|-
|width=20% valign=center align=center|[[FileImagem:Officer Ordre de Leopold.png|85px]]<br /><small>Oficial</small>
|width=20% valign=center align=center|[[FileImagem:Chevalier Ordre de Leopold.png|85px]]<br /><small>Cavaleiro</small>
|width=20% valign=center align=center|
|-
==Condições para se ser Titular ==
=== Ordens Nacionais da Bélgica ===
As Ordens Nacionais são atribuídas por Decreto Real em datas específicas: 8 de Abril, aniversário do rei; 15 de Novembro, dia do rei; e, em alguns casos, 21 de Julho, dia da Bélgica, para homenagear serviços distintos prestados ao Reino da Bélgica, tendo por base a carreira e a idade do homenageado. A atribuição de Ordens Nacionais aos ministérios é regida por vários regulamentos. Adicionalmente, as Ordens podem ser entregues pelo rei por feitos meritórios de recompensa. Os Decretos Reais são publicados no Jornal Oficial belga, ''Moniteur Belge''.
 
[[ImageImagem:Ordre de Leopold.jpg|thumb|right|3000px|Em cima: Estrela do Grande Cordão - categorias civil e militar (esquerda), Grand Cordon (meio), placas de Grande Oficial - categorias civil e marítima (direita). Em baixo: Cruz de Comendador (categoria civil), Cruz de Oficial (categoria militar), Cruz de Oficial (categoria civil), Cruz de Oficial (categoria marítima),Cruz de Cavaleiro (categoria militar) (cortesia da Sociedade da Ordem de Leopoldo)]]
 
O Ministério dos Negócios Estrangeiros é o responsável pelas Ordens Nacionais e tem um papel de conselheiro na regulamentação das ordens.
 
Para a atribuição de Ordens Nacionais para as quais não haja regulamentação, o número de homenageados é limitado todos os anos por decisão do Conselho de Ministros.
 
As classes das Ordens Nacionais estão organizadas hierarquicamente por lei. Assim, por ordem decrescente: Ordem de Leopoldo, [[Ordem da Coroa (Bélgica)|Ordem da Coroa]] e [[Ordem de Leopoldo III]]. Deste modo, e salvo raras excepções, ninguém pode receber uma ordem inferior se já recebeu uma superior
 
* Decreto Real de 18 de Abril de 1983 Criação da Insígnia das Duas Espadas Cruzadas sob uma Barra com os números ''40-45''.
* Decreto Real de 16 de Fevereiro de 1934 Criação da Categoria Marítima na Ordem de Leopoldo (''Moniteur Belge'' de 17 de Março de 1934).
* Decreto Real de 24 de Junho de 1919 Criação de um contorno em Ouro, riscas em Ouro e estrelas em Ouro para as Ordens Nacionais em Tempo de Guerra (''Moniteur Belge'' de 11–12 de Agosto de 1919).
* Decreto Real de 15 Novembro de 1915 Criação de Palmas para as Ordens Nacionais em Tempo de Guerra (''Moniteur Belge'' de 28–30 Novembro e 1–4 Dezembro de 1915).
* Decreto Real de 3 de Agosto de 1832 Regras para a Forma da Condecoração da Ordem de Leopoldo.
210 092

edições